Tratamento da esquizofrenia usa células do próprio paciente

  • Facebook
  • Pinterest
  • Twitter
  • Google+
novo tratamento da esquizofrenia

Um estudo publicado no site da revista "Nature" descobriu que células da pele de pessoas com esquizofrenia podem ser ferramentas úteis para tratar a doença. Os cientistas coletaram amostras de células epidérmicas de pacientes esquizofrênicos e as fizeram "regredir" para um estado mais primitivo, no qual são chamadas de células-tronco pluripotentes induzidas (iPSCs, em inglês).

Após convertidas, estas células eram cultivadas para se transformarem em células cerebrais. Assim, podiam ser estudadas e manipuladas para uma análise "individualizada" da esquizofrenia de cada paciente.


A esquizofrenia é um mal de causa complexa, geralmente atribuídas a fatores hereditários e ambientais. Sua principal característica são delírios paranóicos e alucinações com vozes. Calcula-se que cerca de 1% da população mundial seja afetada pela doença em maior ou menor grau.

Por Jessica Moraes

  • Facebook
  • Pinterest
  • Twitter
  • Google+

Comente

Assuntos relacionados: saúde tratamento esquizofrenia

De volta à rotina escolar sem complicações! Confira!

Início das Aulas

Copyright © 2019 e-Mídia Precisa de ajuda?