Trocar um homem por um sex toy?

Trocar um homem por um sex toy

Brinquedos ou parceiros de verdade? Foto: © Ocean/Corbis

Trocar um homem por um sex toy? Não há muito que se pensar, é óbvio que não se troca um homem por um brinquedo, o que troca é a sensação de frustração e de expectativa por um prazer momentâneo sem erro e sem a necessidade de outra pessoa. Quem é que pode culpar uma mulher por isso e quem é pode evitar as decepções? Os brinquedos eróticos não têm nada a ver com isso, eles ajudam a gozar, mas param por aí.

Muitas mulheres estão trocando homens por seus sex toys. Pode parecer loucura, mas elas andam dizendo por aí que eles são infalíveis, não te decepcionam, e etc, mas, isso parece realmente estranho. É o que alguns dizem ao pegarem garotas de programa, elas fazem o que eles querem, sexo sem papo, sem o trabalho da conquista. Será que dá no mesmo?

Talvez as pessoas estejam entendendo errado como funciona essa brincadeira. O grande lance é utilizar os brinquedos como complemento e não para "ser" alguma coisa. As pessoas que valorizam isso acabam se adaptando aos desafios da vida e se divertindo, mas, a rapidez da vida moderna parece ter secado o oásis do repertório dos seres humanos sedentos de sexo e amor. E você o que acha disso? Faria essa troca se baseando em sua vida de hoje?


Por Giseli Miliozi

Comente