Trapalhadas na cama - histórias pra lá de engraçadas

Trapalhadas na cama

Foto: Reprodução photostock http://goo.gl/TcnMB

Sexo não vem com manual de instruções. Quem quer ousar tem que se arriscar, e muitas vezes o casal paga o preço. Histórias que seriam engraçadas, se não fossem trágicas, é o que não faltam.

A sexóloga Carla Cecarello conta que um de seus pacientes teve sérios problemas após ter colocado em prática um plano mirabolante. "Ele pediu para que a companheira se sentasse com as pernas bem abertas, em um lugar alto. Subiu em um banquinho e mirou a vagina da companheira. A intenção era com o impulso penetrá-la com velocidade e força. Porém ele escorregou do banquinho e acabou batendo o pênis no osso da pélvis da companheira", lembra a sexóloga.

A queda gerou uma luxação no membro do rapaz. "Eu fico imaginando a dor que esse homem sentiu, o que é muito mais grave que a frustração da perda da transa. Quando o aventureiro veio ao consultório, ele contou a história rindo, já havia superado", conta Carla. "Tudo bem querer inovar, é até bastante saudável, mas tem que avaliar os riscos. Pense primeiro no seu bem estar. Se algo sair e errado e gerar gargalhadas no companheiro, leve na esportiva!", completa.

"Uma das minhas clientes contou que, para agradar o namorado, comprou uma lingerie vermelha, daquelas bem sexy. Mas ela achou que isso não bastava. Para complementar e mudar o visual, ela comprou também uma peruca loira", relata a especialista em artes sensuais Lu Riva. O hilário desta história é que o rapaz achou muita graça em ver a namorada usando aquela madeixa loira. "Sem pensar duas vezes ele disse, tirando a peruca da cabeça da mulher: "Que legal, amor. Deixa eu ver como eu fico! ", conta Lu.

A moça acabou ficando muito chateada, pois ele nem ao menos reparou na lingerie que ela usava. "Quando você for fazer uma surpresa a um homem, avise-o antes. Eles são extremamente racionais, além de não repararem muito em detalhes", recomenda a especialista. Não precisa contar com detalhes o que irá acontecer, apenas dê dicas.


Lu Riva contou também que uma de suas clientes se preparou para fazer um strip-tease para o namorado. O problema é que ela não tomou muito cuidado na hora de escolher a trilha sonora. "Ela esqueceu que o companheiro simplesmente odiava forró, e foi justamente o que ela colocou para tocar. Resultado: o rapaz levantou e saiu, deixou-a sozinha", lembra a especialista. E você, já passou por alguma cena prá lá de engraçada? Divida com a gente!

Por Bianca de Souza (MBPress)

Comente