Taras e fetiches - qual é o seu?

Taras e fetiches  qual é o seu

Foto: © Ocean/Corbis

Quais fetiches você conhece? Já ouviu falar de bondage? E já encontrou algum homem que fosse adepto da podolatria?

Se você ainda não entendeu, a gente explica. Há muitos fetiches que pouca gente conhece e outros que a gente achou que era restrito, mas na verdade tem muito mais gente fazendo por aí.

Taras e fetiches são sentimentos/desejos naturais, é algo inerente a cada pessoa, não tem explicação. É a mesma coisa que acontece com nossos gostos por comida, não sabemos dizer o motivo pelo qual gostamos de algum alimento, apenas sabemos que gostamos. Com sexo, tara e fetiche, acontece a mesma coisa. Não julgar e aproveitar para fazer o que deixa feliz é o nosso conselho, mas claro que ninguém deve sair machucado e estiver de acordo com a prática.

Já falamos antes de bondage por aqui, que é a prática de gostar de amarrar alguém, com consentimento do amarrado, sempre, e o ato sexual pode acontecer ou não. O bondage está ligado ao sadomasoquismo pois inclui certa dose de submissão. A podolatria é a tara por pés, os adorados de pés, conhecidos como "podólatras" adoram cheirar, beijar, lamber e cheirar pés, que quase se transformam em órgãos sexuais. Apenas olhar um pé pode ser altamente excitante.

Esses são dois dos fetiches mais conhecidos, mas cada pessoa pode inventar os seus, a criatividade do ser humano quanto se fala em sexo é incrível. Se o seu fetiche é estranho ou não, só você pode saber, e o que importa é que dê prazer e não seja algo ilegal, certo?

Pesquisamos alguns fetiches e taras e podemos garantir que há muitos bem estranhos, e alguns um pouco nojentos. Um deles é Espectrofilia que consiste na atração por fantasmas e seres de outro plano, difícil de entender. Há também a Acrotomofilia, que é a atração sexual por pessoas fisicamente deformadas. E para fechar esse dicionário de estranhezas sexuais há também a Estatuofilia, que é a bizarra atração por bonecas, manequins e estátuas.


Por Giseli Miliozi

Comente