SEX SHOP - Por que o preconceito?

Oi gente...??!?!

Agora consegui um tempinho para escrever a primeira vez no blog do VilaMulher... Que emoção! hehehehe... Bom, vou falar de um assunto que para uma grande maioria ainda é um "assombro": Visitar uma Sex Shop.

Tenho que concordar que muitas lojas possuem tanto falta de ambiente como falta de um atendimento personalizado, usando de palavras brandas, coerentes e nada ofensivas ou apelativas, afinal, não é esse o propósito de uma Sex Shop, pelo menos não na minha loja. A idéia é "apimentar" relacionamentos, que com o tempo, caíram na rotina. Usando de psicologia, de intuição, o objetivo de uma loja picante e sensual como uma sex shop é trazer de volta a química, a paixão e o desejo do casal seja ele qual for. Não importa se é gay, hetero ou simpatizante de outros tantos jeitos de amar. O importante é amar e sentir tesão! Ou só tesão. Ou só amar. Mas seja qual for o sentimento, tem que ter prazer em existir.

Aqui, na minha loja, eu mesma faço o atendimento direto ao cliente. Nada de me esconder. Procuro conversar, desinibir, brincar falando sério sobre sexo sem baixar nível ou promover pornografia, afinal, quem compra o produto é que vai fazer a festinha lá fora da loja, onde melhor escolher, não é? Eu dou a idéia, e idéia do que há de melhor pra se divertir sem perder a identidade na hora H. Tudo que se faça com consciência e que não vá afetar nem a si nem a terceiros, está valendo. Agora eu me pergunto todo santo dia: Por que tanta gente tem vergonha de entrar em sex shop? O que pensa a pessoa na hora que tem a vontade de entrar, mas falta a coragem e as pernas paralisam mudando de direção? Por que medo de saber sobre sexo se faz sexo?

Gente, se liga. Sex Shop é estilo! É isso mesmo. É ser bem resolvida ou bem definido. É estar de bem com a própria vida, sexualidade e com os outros. Pra quem você deve satisfação da sua vida? Pra vizinha que viu você entrar na loja? Ué, minha amiga, meu amigo... se o casamento desabar é a vizinha que vai ajudar você é? Então... Responda-me esta dúvida cruel que me assola desde que montei minha loja (de grande sucesso) pois já estamos no 11º ano. Por que a vergonha?

Medo de inovar? De quebrar com paradigmas? Ora, ora... Mas então por que reclamas da rotina se tem medo de enfrentá-la, de vencê-la? Uma pitada de tempero, na dose certa, na medida correta da sua conduta vai fazer mal ? Pense bem... Quanta coisa ainda não sabe sobre SEXUALIDADE? Imagine quanto assunto para conhecer, aprender e também experimentar? Sex Shop é isso. Além de tecnologia e evolução em apetrechos deliciosamente modernos para o sexo é CULTURA, INFORMAÇÃO... A gente fala de forma limpa, bonita pois o sexo é bonito. O sexo é saúde. É extasiante... Mas claro, tem que amar, tem que ter prazer, tem que gostar de fazer... Tabu, Preconceito? Pra que meu bem? Vamos é ser feliz... e curtir cada minutinho de prazer com quem a gente tem do lado... nem que seja só agora, mas que seja pra lembrar sempre... e outra, não esqueça nunca da camisinha. SEMPRE!

Beijos.... E aguardo respostas à minha perguntinha: Por que o "medão" de entrar numa Sex Shop?

Comente