Sedentarismo pode causar impotência

A Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo divulgou alguns números que mostram o quanto pode ser prejudicial o sedentarismo
sedentarismo impotência

Fora de forma e impotente! Saiba mais sobre este efeito colateral do sedentarismo. Foto - Istock/KatarzynaBialasiewicz

A impotência sexual é um problema enfrentado por muitos homens e que leva mais de 300 pacientes a procurarem o Centro de Referência da Saúde do Homem, o hospital Euryclides de Jesus Zerbini, localizado na zona de São Paulo. E o que muitos não sabem, é que o problema pode estar ligado ao sedentarismo, ou seja, à falta de atividade física!

Uma pesquisa foi feita no ambulatório de sexualidade do Centro e apontou que 90% dos homens em tratamento não praticam atividades físicas, e outros 40% também fumam. O sedentarismo nunca fez bem para ninguém, nem o fumo, mas quem está parado deve fazer alguma atividade de que goste, não precisa de muito esforço, uma caminhada de trinta minutos por dia, já está ótimo para começar. 

O ganho de gordura na região abdominal diminui a produção de testosterona, o hormônio sexual masculino importante para o desempenho sexual. O urologista Joaquim Claro, médico chefe do hospital, explica que o cigarro "entope" os vasos e como consequência a circulação de sangue no pênis é bem menor. "Os pacientes tabagistas com mais de 55 anos dificilmente não vão apresentar algum grau de impotência sexual. A atuação do tabaco nas artérias é similar ao dos fatores orgânicos como a diabetes".

O importante é se exercitar para a vida toda ficar ainda melhor, os benefícios vão muito além do sexo. E se houver qualquer problema, nada de ter vergonha ou não admitir e deixar pra lá, tudo tem tratamento e somente um médico especialista poderá ajudar corretamente.

Por Giseli Miliozi

Comente

Assuntos relacionados: sexo tratamento amor