Cerca de 78% das mulheres NÃO alcançam o orgasmo

Saiba o motivo e como atingir o orgasmo com simples mudanças de comportamento
orgasmo mulheres

Foto: Istock

Meninas, nós sabemos que ter uma boa vida sexual pode ser a chave para ter mais saúde e qualidade de vida. Porém um dado recente chocou a nossa redação e mostrou que as mulheres ainda precisam explorar muito mais a sexualidade para se sentirem realizadas. De acordo com uma pesquisa feita pela Durex Global Sex Survey com 1004 brasileiras em 2014, apenas 22% das mulheres em idade sexual atingem o orgasmo, 56% estão insatisfeitas com o que acontece entre quatro paredes e 78% não alcançam o ápice do sexo.

Gente, é um número muito alto! Isso nos leva a pensar que algo muito sério está acontecendo com as brasileiras. E nós do VilaMulher nos comprometemos em ajudar a reverter esta realidade começando pelo básico!

Vamos lá!

Por que as mulheres não atingem o orgasmo?

  • Falta de intimidade consigo
  • A falta de conhecimento do próprio corpo e o tabu da masturbação ainda são fortes fatores. É muito complicado querer ter um orgasmo a depender do seu parceiro, se você não sabe se dar prazer, se não conhece o seu corpo e as áreas que lhe dão prazer. 

  • Falta de desejo
  • De acordo com a ginecologista Elsa Gay, do Hospital das Clínicas da FMUSP, quando há crises no relacionamento, a mulher se fecha para a vida sexual. "A correria, o estresse do trabalho e a preocupação com os filhos e com a casa são grandes vilões da sexualidade", diz. A chave é tentar se desligar dos problemas e evitar os remédios.  Isto porque não existe nenhuma medicação para aumentar a libido feminina que tenha sua eficácia comprovada cientificamente.

  • Dor durante a relação
  • A ginecologista e especialista em uroginecologia e sexualidade humana, Lilian Fiorelli, da Alira Medicina Clínica e Cirúrgica, disse que falta de lubrificação, infecção urinária, candidíase e vaginismo podem ser algumas das causas. Veja aqui como evitar a dor durante o sexo.

    Técnicas para atingir o orgasmo:

    1- Pompoarismo: 

    Uma das técnicas mais utilizadas atualmente é o pompoarismo. A pompoarista Carol Ribeiro, explica que a prática dos exercícios que aumenta a irrigação sanguínea em toda a região pélvica. Essa irrigação é a base do prazer sexual. “Quando a vagina recebe maior irrigação sanguínea, a todo o canal fica mais sensível aos estímulos sexuais, proporcionando uma capacidade de prazer aumentada e, por conseguinte, orgasmos mais intensos”. De acordo com ela, com 15 dias de treinos é possível perceber alguns efeitos, como o aumento da lubrificação natural do canal vaginal.

    2- Brinquedos sexuais

    Alguns brinquedos, como as algemas podem ajudar - e muito - na hora de atingir o tão sonhado orgasmo. Vale de tudo, vibrador, gel e até camisinhas texturizadas.

    3- Fantasias sexuais

    Nós já falamos no Vila que a imaginação ajuda no orgasmo. Pensando nisso, que tal apostar em fantasias sexuais para realizar? Vocês podem transar em lugares diferentes do usual ou até usarem - literalmente - uma fantasia!

    4- Sexo oral e sexo anal

    Experimente! Não tenha medo de tentar diferentes tipos de sexo que não sejam a tradicional penetração. O sexo oral e o sexo anal podem ser incrivelmente prazerosos se você se permitir gostar! 

    5- Mais diálogo

    Converse com o parceiro! Conversar faz bem para o sexo e pode fazer vocês descobrirem desejos ocultos do outro. A partir daí, é só cair para o abraço!

    6- Posições sexuais

    Dicas para um sexo mais divertido:

  • Posições sexuais baseadas em esportes
  • Kamasutra do sexo anal
  • Posições de yoga que levam ao orgasmo
  • Por Vila Mulher

    Comente