Mulheres estão ousando cada vez mais, segundo pesquisa

Mulheres estão ousando cada vez mais

As mulheres não querem mais somente o papai-mamãe, elas querem tudo, até sadomasoquismo. Foto: © Shalom Ormsby/Blend Images/Corbis

A Lelo, marca de produtos de sexo e prazer de luxo, fez uma pesquisa com 19 mil pessoas, entre elas, 10 mil mulheres de 25 a 50 anos de idade, de oito países. O resultado mais marcante foi que quase 50% das mulheres já usaram bondage, uma prática sadomasoquista que seria o fetiche de ser amarrado.

Essa apuração representa uma mudança de comportamento entre as mulheres, que agora consomem produtos de prazer sem tanto pudor como sempre foi. A Lelo registrou um aumento de de 400% em vendas, e para a empresa isso é uma fonte de estudo de comportanto sexual feminino.

Um dos motores para essa abertura foi o fenômeno de vendas da trilogia de livros "Cinquenta Tons de Cinza". Os fetiches e sadomasoquismo se tornaram papo de amigas e ganhou âmbito mundial.

A grande evolução feminina é se abrir a novas possibilidades e inovar dentro e fora da cama.


Por Giseli Miliozi

Comente

Assuntos relacionados: sexo sadomasoquismo bondage