E quando bate o arrependimento depois do sexo?

  • Facebook
  • Pinterest
  • Twitter
  • Google+
E quando bate o arrependimento depois do sexo

Nem sempre a relação sexual traz apenas prazer. Para muita gente, principalmente entre as mulheres, logo após o clímax ocorre tristeza que pode levar às lágrimas. Além disso, outros fatores podem acarretar em arrependimento depois do sexo.

Se para você é comum sentir-se mal após uma relação sexual saiba que não está sozinha. Para algumas mulheres, a melancolia vai além dos parâmetros aceitáveis e se transforma em sinais de arrependimento. "Mal conhecer a pessoa, transar sem preservativos, tomar a pílula do dia seguinte, além de ter relações com ex de amigas são os principais motivos que levam as mulheres a se sentirem arrependidas", afirma a psicóloga Carla Cecarello, coordenadora do Projeto AmbSex.

Outro fator que pode causar este terrível sentimento é o uso excessivo de álcool. O abuso de bebidas tende a diminuir o grau de bom senso e dificultar na hora de fazer a melhor escolha. "Principalmente se a pessoa ficou com um mínimo de consciência, ela pode se arrepender de imediato", aponta a psicóloga.

"Certa vez atendi um paciente que se queixava de arrependimento. Ele relevou ter transado com uma amiga da sua ex-namorada. Dizia estar com remorso, lamentando ter feito aquilo", relata Carla. A psicóloga expressou espanto, em relação à atitude do rapaz. "Não é comum um homem se sentir desta maneira, isso me surpreendeu", diz.

Fatores sociais ainda são inibidores do comportamento feminino. Esse empecilho pode levar a constrangimentos e até mesmo ao arrependimento. "Elas não têm os mesmos direitos, são tidas como fáceis e vagabundas, infelizmente ainda passamos por isso", desabafa Carla Cacarello. Muitas mulheres podem desejar ter um comportamento desinibido, como os homens, e acabam frustradas e chateadas.

É importante ressaltar que, embora o sentimento de tristeza seja relativamente comum, não é normal. Marcelo Rodrigues, economista, 27 anos conta: "Eu já me envolvi com uma garota que chorava durante o sexo, aconteceu duas vezes. Ela não sabia, ou não queria dizer, porque aquilo acontecia. Não ficava um clima legal. Não durou muito, o relacionamento acabou".

Segundo uma pesquisa realizada pela Universidade de Tecnologia de Queenland, na Austrália, 10% das mulheres sente-se frequentemente tristes após o sexo. Os pesquisadores chegaram a relacionar este tipo de depressão a abusos sexuais vividos na infância. A vítima passaria a relacionar atos sexuais, mesmo as consentidas, a violência vivida anteriormente. Mas como estudos mostraram uma baixa relação entre estes dois fatores, a hipótese de predisposição biológica passou a ser estudada.


Parece que arrependimento e tristeza são situações corriqueiras. Devemos ficar atentas para que isso não atrapalhe um momento tão especial, já que o sexo deve servir para nos sentirmos bem e felizes. Antes que a relação seja abalada é bom procurar orientação médica.

Por Bianca de Souza (MBPress)

  • Facebook
  • Pinterest
  • Twitter
  • Google+

Comente