Beleza revelada

Beleza revelada

Camila Ueoka, participante do quadro “Transformando a relação”, programa “Hoje em dia” (Record)

Você olha as revistas masculinas e, passada a invejinha boa daqueles corpos perfeitos e imagens bem feitas, pensa que gostaria de ser a personagem de um ensaio do tipo? Que não mais sorria em foto alguma a mulher que nunca pensou em ser a estrela de um ensaio sensual. Tá, não precisa ser aquele nu que dá vergonha em muita gente, do tipo “Playboy” ou “Sexy”. Pode ser um ensaio mais provocante, menos vulgar, mais sensual, menos apelativo, do tipo revista “Trip” ou “Vip”. Ficou com vontade? Pois saiba que a beleza escondida por baixo da sua roupa pode virar um book que levante a auto estima e revele a mulher que mora aí dentro de você.

Essa é a proposta do projeto “Beleza Revelada”, encabeçado pela fotógrafa Gina Stocco. Depois de trabalhar muitos anos com modelos e catálogos de lingeries, numa tarde despretensiosa - e a pedido do ex-namorado - ela fez um autorretrato sensual e, ali mesmo, nasceu a ideia de fotografar outras mulheres assim, com pouca roupa e muita atitude. “Sempre tive vontade de servir de ‘ponte’ para que as mulheres pudessem realizar esse sonho íntimo de, mesmo não sendo atrizes famosas ou modelos, ter esses books para si ou para mostrar a quem elas amam”, conta.

Beleza revelada

Simone Almeida (Química) e Claudia Medina (Biomédica)

Gina já fotografou dezenas de mulheres, de todo tipo físico, profissão, estado civil. E mudou um pouco a vida de cada uma delas. “Cada uma que faz o ensaio descobre uma beleza que não sabia que tinha! Não é apenas um presente para o marido ou namorado, mas principalmente para ela! A mulher fotografada descobre um tesouro que estava escondido e ganha uma injeção de auto estima”, conta ela, empolgada com resultado do trabalho que faz.

As fotos de Gina são feitas num estúdio em São Paulo, todo preparado para a produção das imagens. Mas ela viaja o Brasil, numa parceria com hotéis e spas e, quem quiser, pode ainda fazer fotos na praia, na floresta, na cidade. “Procuro conversar com as mulheres e entender seus gostos. Sou uma espécie de ‘psicóloga’ com uma máquina fotográfica na mão”, brinca. “Mostro referências de fotos, as lingeries, as opções de poses e looks. E a mulher tem um dia de princesa, todo preparado para ela, do jeito que ela sempre sonhou”.

Mas como há uma linha fina que separa o pornográfico do erótico, o apelativo do sensual, Gina tratou de ficar expert na sutileza. “Tudo é fotografado entre formas e fendas, com o apoio de uma equipe de make-up e hair style integralmente formada por mulheres, pensando na tranquilidade e no conforto da ‘modelo’”, diz Gina. “Há beleza e, sobretudo, sensualidade, em toda mulher. Para que venham à tona, basta evidenciá-las de maneira sutil, com a luz e a ambientação certas e um perfeito enquadramento”.

A bancária Nathali Nicoletti, de 22 anos, é uma das mulheres que já tiveram sua beleza revelada pelas lentes de Gina. E diz que não existem palavras para descrever o quanto o trabalho foi maravilhoso. “Fiz essas fotos com a Gina para me presentear e hoje digo com a total convicção que foi o melhor presente que já pude me dar! Aprendi a não ver os meus defeitos. Hoje, vejo e tenho a certeza que sou uma linda mulher”, declara.

Vanessa Kirsterman, de 48 anos, disse que Gina conseguiu tirar dela “a menina que achou ter ido embora - e a mulher que não sabia que era”. “É uma experiência inesquecível tirar fotos como uma artista. Toda mulher deveria passar por esta experiência para guardar de si o melhor”, afirma. Cris Azul, 46 anos, também fotografada por Gina e diz que ela consegue realmente captar momentos únicos com uma delicadeza sem tamanho. “Revela aquela beleza que muitas vezes esquecemos que temos, a sensualidade que achamos que perdemos. Eu recomendo a ‘terapia’ do eu me gosto, do eu ainda posso, do eu sou maravilhosa somente porque sou eu, única! Gina retrata exatamente isso. E o resultado são belas imagens”, afirma. “Existe uma beleza em toda mulher. E meu papel é captar o melhor de cada uma, pois cada pessoa tem um ângulo especial que pode ser captado”, completa Gina.

Beleza revelada

Camila Ueoka, participante do quadro “Transformando a relação”, programa “Hoje em dia” (Record)

Esse momento todo especial tem um custo. O preço do book e da produção toda - com maquiagem, cabelo, lingerie - custa em média R$ 1.800, variando dependendo do número de fotos reveladas, dos CDs com as imagens e do próprio book.


Hoje Gina faz um trabalho em parceria também com o programa “Hoje em dia”, da Record, no quadro “Transformando a relação”. Ela viveu parte da infância nos EUA, estudou artes plásticas na Connestoga University, no Canadá e, em 2001, foi convidada a trabalhar com a grife de lingeries “Fruit de la Passion”, com quem mantém uma parceria até hoje. Além disso, já passou por agências de notícias e faz cobertura de eventos de moda e esportivos. Com esse currículo todo - e essa sensibilidade incrível - faz do seu projeto com as mulheres muito mais do que um álbum de fotos comum. Retrata sentimentos que podem ficar guardados para sempre.

Por Sabrina Passos (MBPress)

Comente