Aplicativos de paquera - pode dar certo

aplicativo de paquera

Aplicativos de paquera são a melhor opção para muita gente tentar encontrar um bom par. Foto: © Eric Audras/Onoky/Corbis

E você foi pesquisar no Lulu algum perfil de homem com nota e vários comentários, e o Tinder, que virou febre e parece ter ajudado tanta gente solteira? Houve alguns problemas operacionais de privacidade, mas parece que alguns aplicativos de paquera realmente podem ajudar a juntar pombinhos.

Não há nada que não canse rápido e os que os hackers não descubram formas de devassar a vida de quem usa. Parece que não solução em software para a vida afetiva. Muitos dirão que tudo não passa de brincadeira, mas a coisa não é bem assim. Mesmo assim, pelo jeito, está valendo a pena arriscar.

Tudo que se faz na vida virtual se torna real, e se você ainda não parou para pensar nisso, pode começar a mudar a forma como v as coisas. Se você visse alguém que te interessou muito no Tinder e isso evoluísse até para um namoro, isso não é real? E se você fosse enganada por um perfil falso no Lulu? Isso é real também.

O aplicativo Lulu que ficou famosíssimo por listar homens do mundo todo e dar notas para eles, saiu do ar no dia 24 de dezembro segundo informações do portal G1. A empresa que controla a aplicativo não deu mais explicações. Mas ele está aparentemente fora de ação.

O Tinder parece ser o aplicativo que mais consegue mostrar ao menos perto da realidade que está por trás de fotos e perfis falsos, segundo reportagem da Veja SP, o Tinder tem mais de 3 milhões de seguidores na capital paulista e tem conseguido unir casais que estão, inclusive, se casando na igreja.

Atualmente, tudo começa na internet, e depois percorre um álbum e lê características e faz um convite, e pronto a sorte está lançada. Desde o Orkut, casais estão procurando a internet para minimizar as chances de erros e perda de tempo, e quem um dia irá dizer que não existe razão?

Você também já usou um destes? Conte para a gente.


Por Giseli Miliozi

Comente