Cuscuz à Paulista

Rendimento

15 porções

Ingredientes

  • 250 gr de camarão cinza
  • 1/2 kg de cação
  • quanto baste de azeite de oliva
  • 1 unidade(s) de cebola picada(s)
  • 2 dente(s) de alho picado(s)
  • quanto baste de tomate em rodelas
  • quanto baste de ervilha
  • 1 lata(s) de palmito picado(s)
  • 300 gr de farinha de milho amarela
  • 100 gr de farinha de mandioca crua
  • 4 unidade(s) de ovo cozido
  • quanto baste de azeitona preta
  • quanto baste de pimenta-do-reino branca moída(s)
  • quanto baste de sal
  • 1 caixinha(s) de molho de tomate
  • 1 colher(es) (sobremesa) de páprica picante
  • 1 tablete(s) de caldo de peixe
  • quanto baste de salsinha picada(s)
  • quanto baste de coentro picado(s)

Modo de preparo

1 - Leve a panela ao fogo. Quando estiver aquecida, coloque 4 colheres(sopa) de azeite. Junte a cebola e o alho picado e refogue, até que a cebola esteja transparente. Junte o molho de tomate e deixe ferver. Tempere como o caldo concentrado, a páprica, a pimenta e o sal (prove antes, pois os concentrados costumam ter sal), mas lembre-se que o sal do molho vai salgar também a farinha. 2- Quando já tiver fervido por uns 5 minutos, junte as ervilhas, o palmito e o camarão. Deixe cozinhar por exatos 7 minutos, depois que voltar a abrir fervura. Não deixe mais que isso, pois os camarões perdem sua textura. Junte o coentro e as azeitonas, imediatamente antes de lançar as farinhas. 3- Despeje as farinhas sobre o molho e mexa. Não se preocupe que não empelota, principalmente se usar uma panela de boca larga, com bastante espaço para revirar a massa que se forma. 4- Quando revirar, verá que tomará o aspecto de um farofão, meio seco, nada parecido com o cuscuz. Aí está o segredo: Se colocamos muito molho de tomate, o cuscuz fica vermelho demais, muito escuro, então, coloca-se água para dar o ponto. Vá colocando aos poucos, pois deve ficar uma massa pesada e não um pirão. 5- Mexa a massa por alguns minutos, até que a farinha tenha gosto de cozida. Veja o ponto: a massa deve soltar da panela, isso, no entanto, não quer dizer que está pronta. Tem que provar, mesmo. Aproveite e veja se não está faltando sal e regue com mais azeite. 6 - Está na hora de preparar a decoração do cuscuzeiro. Primeiro, unte com azeite a fôrma e disponha rodelas de ovo cozido, azeitonas e rodelas de tomate. Coloque as pontas das claras cozidas que não for usar, na massa do cuscuz. 7 - Coloque a massa no cuscuzeiro, distribuindo bem. 8 - Comprima a massa, conforme a estiver colocando, por camadas. Pode usar uma colher, mas o melhor, mesmo, são as mãos, um utensílio deveras útil, na cozinha. 9 - Vire o cuscuz sobre uma travessa. Se quiser, pode dispor folhas de alface sobre a travessa, antes de virar o cuscuz, para decorar. Dicas: O cuscuz é um prato versátil. Seus ingredientes, de modo algum, podem ser considerados obrigatórios. Você usa o que tem em casa. Seguindo esse mesmo preparo, isto é, preparando um molho e "cuscuzando" com farinha de milho, poderá prepará-lo até com legumes, como berinjela e abobrinha. No lugar do camarão ou junto com ele, poderá usar a sardinha (se usá-la no cuscuz de camarão, utilize-a somente na decoração), atum em lata, peixe (cação por exemplo), lingüiça, carne moída, lombo de porco. Se não tiver palmitos, não farão falta. A ervilha pode ser substituída por milho verde. O mais importante é que o molho esteja bem temperado, pois deve temperar também a farinha.

Comente