Vinhos Espumantes

Vinhos espumantes

Dúvidas na hora de escolher vinhos espumantes? O Vila Sabor explica. Em relação à temperatura, o correto é servir os espumantes doces a 6 °C e os secos a 10°C C. Para tanto basta deixar a garrafa no balde com água gelada cerca de meia hora antes de servir. Ou então colocar a garrafa na porta de geladeira à tarde. A taça deve ter o formato de uma tulipa para permitir que as bolhas subam à superfície e a temperatura permaneça a mesma por mais tempo.

Os vinhos espumantes podem ser diferenciados pelo teor de açúcar. Os mais usados no mercado são o nature, com pouquíssimo açúcar, brut, com baixa quantidade de açúcar e o extra dry, mais doces e um dos preferidos das mulheres. Já os demi-sec têm um intenso grau de doçura e se destacam pela grande concentração de frutas e ausência total de amargor.

Os tipos mais populares chamados de sans anée são produzidos com uvas de várias safras misturadas para se obter o mesmo padrão todos os anos. Representam cerca de 95% do mercado.

Já os millesimé são produzidos apenas com uvas de ótima qualidade de uma única safra. Outra categoria, de qualidade superior, é a dos champanhes grand cru produzidos exclusivamente a partir de vinhedos de qualidade superior (chamados de grand Cru). A diferença é que geralmente vêm de pequenos produtores, o que garante mais qualidade ao vinho.

Por Juliana Lopes

Comente

Assuntos relacionados: sabor Bebidas vinhos vinhos espumantes