Verduras: dicas de compras e cozimento

Verduras dicas de compras

Saladinhas e verduras cozidas só ficam boas com ingredientes de qualidade. A boa escolha já começa na hora da compra, afinal, são mais frágeis e ficam ruins em pouco tempo. Maços que tenham algumas folhas queimadas ou amareladas devem ser de imediato descartados, pois indica que já passou algum tempo em câmara frigorífica, reduzindo o tempo que você poderá conservar em sua geladeira.

Já as folhas com pequenos furos podem estar com algum tipo de larva. Caso você não compre nas feiras, onde estão as melhores opções, e acabe indo ao supermercado, tente observar em qual dia elas estão mais frescas, e marque na porta de sua geladeira, pois, salvo nas grande lojas, as verduras chegam uma vez por semana.

Se tiver algum fornecedor que lhe ofereça produtos livres de agrotóxicos, opte por ele, mesmo que o preço seja maior. A sua saúde vai agradecer. E por fim, opte por comprar o maço com a verdura inteira, nunca cortada, pois no processo de corte, folhas de má qualidade podem ser inseridas sem que você perceba.

Depois de escolhida a verdura, lavada e colocada de molho por cerca de 20 minutos em uma colher de sopa de vinagre ou até algumas gotas de água sanitária, é hora de escolher o melhor cozimento para as verduras.

O espinafre pode ser cozido inteiro, já o brócolis em flores ou debulhado. Muitas vezes o cozimento à vapor é mais simples, mas deixa a verdura com um aspecto de descolorida, um verde não tão vivo.

Muita gente coloca bicarbonato de sódio para melhorar o aspecto, porém, este procedimento é desaconselhado pelos nutricionistas, pois o alimento acaba perdendo muito de seus nutrientes (o que já acontece pelo próprio contato com a água durante a fervura). Mas, se você preferir, deixe a água ferver e acrescente a verdura, somente pelo tempo necessário para que fique macia, (geralmente é muito rápido).

Veja também

Saladas e Verduras - mais saúde no prato

Por Juliana Lopes

Comente