Neka Mena Barreto: uma banqueteira de sucesso!

Neka Mena Barreto uma banqueteira de sucesso

Neka Barreto e sua irmã Jacque Barreto

Do clássico refinado ao modernista, a inventividade de Neka não tem limites, adaptando-se ao gosto e estilo de cada um. Cafés-da-manhã, almoços, jantares, desfiles, happenings, inaugurações, aniversários ou casamentos, para ela o importante é atualizar-se e estar sempre à frente das últimas novidades no universo gastronômico mundial.

A banqueteira nasceu com a gastronomia no sangue. E ainda pequena, junto com seus seis irmãos, já arriscava alguns pratos da cozinha sulista. Hoje, a nutricionista e banqueteira que há mais de 21 anos comanda uma cozinha industrial única - com 40 funcionários e 5 nutricionistas a bordo - entre os chefs brasileiros e junto com a irmã Jacque é responsável pela Neka Gastronomias.

Neka começou a carreira como responsável pelos banquetes servidos no famoso navio Costa Cruzeiros. Foi em meio ao luxo das embarcações e delicias servida nos salões nobres com sua assinatura, que ela foi chamada por uma influente e tradicional família paulistana para organizar um jantar para a alta sociedade da época. Neka aceitou o desafio e a partir daí não párou mais.

O tempo passou! E as criações de Neka, totalmente autorais, eram cada vez mais disputadas por personalidades dos quatro cantos do país. Contando a história do Brasil através de seus pratos, a chef gaúcha realizou o sonho das pessoas e o seu próprio sonho. “Eu consigo ser o que sou, fazendo o que eu faço...por isso só faço e vendo o que realmente acredito”, explica.

Fernando Henrique Cardoso, Luciano Huck, Daniela Mercury, Caetano Veloso, Gilberto Gil já experimentaram algumas de suas receitas. A banqueteira conquistou alguns admiradores, que acima de tudo tem confiança no trabalho realizado por ela e sua equipe. Prova disso foi um evento - todo idealizado por ela - para 5.567 convidados num galpão de nove mil metros quadrados no Sul, e saiu tudo certo!

Experimente uma de suas receitas!

Quinoa com arroz selvagem e aveia

Por Juliana Lopes

Comente