Fritura sem óleo: saiba mais sobre essa tecnologia

Fritura sem óleo saiba mais sobre essa tecnologia

Foto: reprodução/ Corbis

Você já imaginou comer batatas fritas, frango à passarinho e outras frituras sem se preocupar com colesterol e os quilinhos a mais? É o que promete a tecnologia da fritura sem óleo. Parece milagre, não é mesmo? Mas, como toda novidade, divide bastante as opiniões.

Bom, antes de elogiar ou criticar a técnica, vamos entender como funciona: a tecnologia chamada de AirFryer usa circulação de ar quente em alta velocidade para preparar os alimentos. A fritadeira (não é uma assadeira) tem uma hélice que gira um fluxo forte de ar aquecido e circula sobre e ao redor dos alimentos. Esse choque vai deixar o alimento super aquecido. O resultado é um prato bem mais saudável.

Agora quando o assunto é sabor, esse sim vai dividir as opiniões. Um frango a passarinho, por exemplo, que já tem a gordura animal, vai ficar saboroso e sem aquele aspecto oleoso. Talvez só na aparência mais sequinha, algumas pessoas já estranhem e isso vai influenciar no sabor também. Já outros alimentos, como a batata, talvez necessitem de um pouquinho (bem pouco mesmo) de óleo só para dar aquele sabor mais crocante.

Entre as vantagens do eletrodoméstico também estão: a facilidade de limpeza, a economia de óleo e o cheiro do alimento mais acentuado. Além da facilidade de deixar o alimento "fritando" sem ter que ficar com a barriga encostada no fogão. E você, aprovou a novidade?

Por Lívany Salles

Comente