Dicas de higiene na cozinha

Dicas de higiene na cozinha

O conceito básico de higiene pode ser considerado o ato de retirar impurezas de um corpo, objeto ou local, ou seja, limpeza. Mas, também, devemos considerar como higiene todos os hábitos e condutas que possam auxiliar a prevenir doenças e manter a saúde e bem estar das pessoas, seja individual ou coletivo.

Seja na cozinha da sua casa ou de um restaurante, a higiene é necessária não somente nos alimentos manuseados e na matéria-prima que os compõe, mas também em todos os elementos envolvidos nesse ambiente.

A técnica em segurança do trabalho, Daniella Andrighetti, fala sobre o uso das luvas descartáveis de látex durante o manuseamento de alimentos. "As luvas devem ser usadas para manuseio de alimento pronto ou montagem do prato, principalmente os crus, como as saladas. Mas mãos devem estar limpas e as unhas sempre cortadas e limpas", explica Daniella, que, também, é professora de higiene ocupacional em escolas técnicas.

Quanto ao uso de panos de prato, a técnica aconselha evitá-los, bem como as toalhas de pano, pois, se não forem bem lavadas, transmitem germes e bactérias. "A preferência é por papel toalha e o uso de sabonete líquido, além do álcool gel. Os alimentos devem ser lavados antes de guardar, até mesmo os ovos", conclui Daniella.

Veja o passo a passo para manter a higiene:

Higiene corporal;

Higiene dos alimentos;

Higiene dos utensílios e equipamentos;

Higiene do local de trabalho;

Periodicidade de limpeza;

Etapas obrigatórias no processo de higienização ambiental;

Produtos permitidos para desinfecção e produtos de limpeza.

Lavar as mãos sempre

Quando chegar ao trabalho, utilizar os sanitários, tossir, espirrar ou assuar o nariz, usar esfregões, panos ou materiais de limpeza, fumar, recolher o lixo e outros resíduos, tocar em sacarias, caixas, garrafas e sapatos ou pegar em dinheiro. É aconselhável lavar as mãos e os antebraços com sabão neutro e secar com papel toalha.

Por Livany Salles

Comente