Bella Masano, a chef da esquina dos peixes

Bella Masano

Ela comanda a conhecida “esquina dos peixes” de São Paulo. No restaurante Amadeus, a jovem chef de 24 anos e uma equipe de mais de 15 pessoas elaboram combinações diversas com mariscos, ostras, endívias, rãs e trutas. Também há espaço para vários tipos de camarões. Destaque para o menu degustação “Sinfonia de Camarões”, formado por cinco pratos (cuscuz, camarão graúdo com alcachofra, camarão rosa na grelha, gratinado com palmito e combinado com arroz e azeitonas pretas).

O sucesso está na qualidade dos ingredientes que utiliza. Bella gosta de escolher cuidadosamente todos os frutos do mar e extrair ao máximo o sabor de cada um. Por isso, mantém há cinco anos o cultivo próprio de ostras e vieiras em Santa Catarina.

Grande parte da sua experiência foi graças aos pais Ana e Tadeu Masano. Desde os seis anos, ela já percorria a cozinha do restaurante da família. Acompanhou de perto os testes de quase todas as receitas. “Sempre ficava ao lado do fogão. A equipe bem que tentava me tirar de perto e dava alimentos frios para manipular, mas sempre dava um jeitinho e voltava para lá”.

Atualmente, Bella faz questão de inserir ingredientes brasileiros e garante que o Crocante de Tapioca conquista cada vez mais os clientes. Mas é claro que se misturam ao cardápio influências familiares e ainda as vivências gastronômicas da família na França.

Bella indica um magnífico Risoto de Frutos do Mar para você fazer em casa.

Vila Sabor: Como a família mantém o cultivo de ostras em Santa Catarina? Chef Bella Masano: Temos funcionários que trabalharam aqui e hoje se ocupam do cultivo. Também contamos com o suporte de pescadores da comunidade local.

Vila Sabor: O cardápio do Amadeus é uma mistura de influências familiares e viagens gastronômicas? Chef Bella Masano: Sim. Há pratos mediterrâneos, árabes (herança da minha mãe), e até toques orientais. Técnicas de diversas partes do mundo são conjugadas para ressaltar a matéria-prima em destaque e se mesclam com produtos locais.

Vila Sabor: Você deu a idéia de usar mais ingredientes nacionais? Chef Bella Masano: Diria que eu os reforcei. Tenho feito um exercício de trazer cada vez mais produtos brasileiros para dentro do restaurante e tentar valorizar o que é nosso. O Crocante de Tapioca e os frutos de pupunha vêm conquistando os clientes recentemente.

Vila Sabor: Então deve ter encontrado muitas novidades no Ver-o-Peso? Chef Bella Masano: Sem dúvida. É um mercado maravilhoso, ainda mais quando se tem a oportunidade de visitá-lo ao lado de Paulo Martins. Por entre aquelas barraquinhas vamos desvendando a alma daquele povo, degustando produtos da nossa terra que não chegam até São Paulo. É uma delícia!

Por Juliana Lopes

Comente