A sensação dos cupcakes em torre

A sensação dos cupcakes em torre

Os cupcakes chegaram para ficar. Os mais conhecidos são os de tipo mini, mas se tratando dessa delícia, não importa o tamanho nem o sabor, que, aliás, são vários.

Mas o que está em alta mesmo são as torres de cupcakes, tanto em casamentos, quanto em aniversários. E para quem não abre mão de cortar o primeiro pedaço do bolo, não se preocupe. Hoje em dia se coloca um bolinho de até 1,5 kg no topo (conhecido como cutting cake). Sendo assim, além de ter várias opções de cupcakes, você ainda segue a tradição como manda o figurino.

Confeiteira há mais de 10 anos, Marilei Souza conta que as torres de cupcakes tem agradado muito, tanto noivas, quanto crianças. "As crianças gostam porque são coloridos e bonitos, já as noivas gostam da ideia de diferencial, pois elas sempre querem impressionar os convidados", explica Marilei, que aconselha que é necessário que os cupcakes combinem com a decoração da mesa da festa. "Existem inúmeros acessórios e enfeites, tanto para crianças quanto para noivas", conclui.

O cupcake também é uma ótima opção para lembrança de casamento, substituindo o tradicional bem-casado.

Origem

Esse pequeno bolo tem origem no Reino Unido, onde são chamados até hoje de Fairy Cakes (bolo das fadas), tradicionalmente um bolinho de baunilha com cobertura de fondant, presente no clássico chá das 5.

"The Oxford Encyclopedia of Food and Drink in America" explica que o nome tem um duplo sentido, pois a receita do bolo é medida em cups (xícaras) e assada nelas. Isso foi revolucionário por causa do tempo que demorava para se assar bolos e da facilidade em medir os ingredientes que originalmente eram pesados.

Então em meados de 1900 esses bolos se tornaram populares devido a sua facilidade de cozimento. Originalmente, os sabores eram básicos, feitos para crianças. Hoje se encontram as mais diversas combinações de massas, recheios e coberturas e são apresentados tanto de maneira tradicional quanto mais moderna.

No Brasil, os cupcakes se tornaram mais populares depois da exibição de um episódio da série Sex and The City, onde a personagem Carrie conhecia o doce na loja Mongólia, em Nova Iorque.

Por Livany Salles

Comente