Solado vermelho não é mais exclusividade da Louboutin

Louboutin perde exclusividade

Foto/Reprodução christianlouboutin.com

Além dos saltos finíssimos e dos preços bem salgados, os sapatos da badalada marca Christian Louboutin são conhecidos pelo seu solado vermelho. Porém, este detalhe fashion não é mais exclusividade da grife. Pelo menos é o que decidiu o juiz federal Victor Marrero.

Na quarta-feira (10), a autoridade negou o pedido de Christian Louboutin de impedir a grife francesa Yves Saint Laurent de vender sapatos com o mesmo solado vermelho. Em abril, o estilista pediu uma indenização de US$ 1 milhão e argumentou que o modelo de YSL era praticamente idêntico ao seu, o que poderia provocar enganos entre os consumidores.

Na opinião do juiz, apesar de o estilista alegar que o solado vermelho é sua marca registrada, ele não conseguiu provar que este detalhe precisa de proteção de direitos autorais. "Na indústria da moda, as cores servem a funções ornamentais e estéticas, vitais para uma competição robusta", acrescentou Marrero.


A marca de Christian Louboutin aposta no solado vermelho desde 1992, e alcançou fama mundial ao aparecer nos pés das atrizes de "Sex and the city" e "Desperate Housewives". A cantora Madonna e a princesa Caroline de Mônaco também já foram clicadas usando os sapatos, que chegam a custar até US$ 4 mil.

Por Juliana Falcão (MBPress)

Comente