Tie-dye - Tendência retorna!

Roupas Tiedye  Tendência retorna

Foto Divulgação

A moda do tie-dye, “amarrar e tingir" em inglês, está voltando ao cenário especialmente para o Outono/Inverno 2008. Para quem não conhece ou não lembra, tie-dye é o processo artesanal de tingimento irregular que resulta em roupas manchadas em degradê.

O método é antigo e também muito simples. Em um de seus relatos sobre o Oriente, o viajante veneziano Marco Pólo contou que este artifício foi usado primeiro na Índia e na China. Já na América Latina, peruanos e índios usavam a técnica para tingir tecidos de lã feitos à mão. As dobraduras e amarrações criavam o degradê das cores.

Esta tendência ficou popular nas décadas de 60 e 70 por causa dos hippies. Em 2008, ela volta na melhor versão “hippie chic” ou “boho chic”, com look urbano cheio de charme a glamour.

“A técnica surge com cores intensas e profundas, com tons claros e neutros. O grande barato é brincar com elas e esbanjar criatividade na hora de usar. Para aquelas mulheres que estão acima do peso, cuidado na hora de usar linhas verticais”, explica a consultora de imagem e personal stylist Lílian Lacerda.

Para o look podem ser incorporados alguns acessórios mais ousados. “No dia-a-dia, uma boa dica são as botas cowboy, batas com tie-dye e uma minissaia. Sem dúvidas, a mulher vai arrasar! Para a noite, um vestido de seda longo estampado com tie-dye é perfeito”, continua a consultora.

Lílian Lacerda também dá dicas de como fazer a técnica em casa. Porém, antes de colocar a mão na massa, ela aconselha testar o procedimento com uma camiseta velha.

Você vai precisar de:

Tintas para tecidos comuns Recipientes grandes para ferver os tecidos que serão tingidos Tesoura

Conta-gotas

Colher de pau Tiras de plástico

Passo a passo:

1. Diferentemente dos outros métodos para tingir tecidos, com esse sistema você não pode obter desenhos com contornos precisos, apenas desenhos simples e irregulares. Conforme você liga os elásticos, são obtidas manchas ou faixas de grande efeito;

2. Se for novo, o tecido deve ser lavado para retirar toda a goma e passado a ferro antes de ser tingido;

3. Encrespe o tecido, enrole o elástico nos locais desejados e amarre-o firmemente para não se soltar com a fervura;

4. Banhe o tecido mergulhando-o na água e esprema bem, assim a tinta será mais absorvida. Prepare as tintas das cores desejadas em uma panela e vá pintando o tecido com o conta-gotas;

5. Tenha em mãos as tiras de plástico para envolver o tecido no ponto onde você pintar e amarre-as com elástico. As manchas de tintas não cobertas pelo plástico e pelos elásticos serão eliminadas durante a fervura;

6. Encha de água a panela com a tinta escolhida para pintar a maior parte do tecido. Ela deve ser suficientemente grande para acomodar o tecido e permitir movê-lo com a colher de pau. Ponha o tecido na água quando estiver muito quente, mas não fervendo. Não é necessário ferver a água para fixar as tintas.

Se juntar duas colheres de amaciante para roupa, a tinta penetrará melhor no tecido. Quanto mais o tecido ficar na solução, mais intensa será sua cor. Enxágüe abundantemente antes e depois de soltar os nós. Deixe secar e passe.

Se desejar pintar utilizando apenas uma cor, envolva as partes que irão ficar brancas com elástico e plástico e mergulhe o tecido na panela com a cor desejada.

Fonte - MBPress

Comente