Por dentro do novo estilo de Fátima Bernardes

Novo estilo de Fátima Bernardes

Foto/Reprodução TV Globo

Quem assistiu ao programa de Fátima Bernardes notou que a apresentadora adotou um corte mais longo. Além disso, a apresentadora está usando luzes nos cabelos e pontas irregulares. Para Gabí Souzä, da Boucle Consultoria de Imagem, isto significa que a jornalista esta pretendendo passar uma imagem mais descontraída e despojada para o público.

"O cabelo desigual e com as pontas para fora cria um visual bem mais informal, a deixa com uma aparência mais acessível e extremamente descolada", diz a consultora de imagem.

Gabí afirma que esta transformação é proposital, totalmente estudada. A consultora explica: "Ela veio de um mundo completamente formal, por isso ela mantinha uma imagem engessada. Para este novo programa, Fátima precisava de um visual mais acessível, mais descolado".

Embora as roupas, a maquiagem e o corte de cabelo tenham mudado, a jornalista ainda tem uma postural corporal muito formal, de acordo com Gabí. "A apresentadora ainda não aprendeu a se soltar diante das câmeras. O que é natural, isso não é ruim. Ela veio do principal telejornal da emissora, lugar em que isso era necessário", observa.

Para o público também é importante que esta transformação se dê gradativamente. "Se a mudança for muito radical e rápida os telespectadores podem entender aquela nova imagem como falsa ou como algo forçado. As pessoas precisam de tempo para assimilar as modificações", diz a consultora.

Fátima Bernardes também está ousando na maquiagem. Gabí destaca o uso do blush. "Ela tem usado cores mais rosadas e um pouco mais carregado", observa. A própria jornalista disse em entrevista ao jornal "O Globo" que agora está usando cílios postiços. "Agora as câmeras ficam um pouco mais distantes, nós julgamos ser necessário usar", comentou Fátima.

Para estrear bem, a apresentadora se preocupou em emagrecer. A jornalista eliminou mais de cinco quilos. "Fátima Bernardes tem a silhueta em formato de pera, ou seja, o quadril mais largo em relação à cintura. Enquanto ela estava sentada atrás da bancada não havia problema, mas em pé diante do público chamaria atenção e todos comentariam", conclui Gabí.


A consultora entende que as cores usadas por ela, nesta primeira semana, ainda remetem ao mundo corporativo. São tons azulados e esverdeados na maioria das vezes. "Usando um vestido vermelho, como nesta sexta-feira (29), a jornalista mostrou saber que é preciso mudar também os tons do figurino", afirmou Gabí.

Por Bianca de Souza (MBPress)

Comente