O vestido ideal para cada tipo de corpo

vestido tipos de corpo

Por já possuir as proporções harmoniosas, todos os modelos de vestido estão liberados para esse tipo de corpo. A dica é abusar dos modelos justinhos, tipo tubinho!

Que mulher não adora vestido? Algumas, é bem verdade, evitam usar por questões físicas, mas isso não deveria ser um problema. Até porque a mulher brasileira não tem um padrão único de silhueta, ou seja, somos muitas e muito diferentes entre si, são vários tipos de corpo, o que é natural.

Isso significa que não importa se você tem quadris largos, pernas finas, tronco mais estreito, o importante é conhecer bem o seu estilo próprio e trabalhar esse autoconhecimento a favor, descobrindo que tipo de roupa cai melhor de acordo com seu tipo físico. E os vestidos, tão femininos, entram nesse quesito!

Felizmente a variedade de cortes e modelagens das peças nos permite encontrar o modelo ideal que irá valorizar a silhueta, seja ela no formato pêra, ampulheta, triângulo invertido, retângulo ou oval.

Tipos de corpo

Esses termos confundiram você? Não tem problema, a gente explica! O formato pêra (também conhecido como o famoso "violão") é aquele onde a mulher tem as costas mais estreitas, pouco busto, cintura mais fina e quadris mais largos.

Para esse tipo de silhueta o importante é equilibrar a largura dos ombros com a dos quadris. Por isso a dica é destacar a parte de cima do corpo, podendo usar peças superiores com mais cor e volume.

Já o triângulo invertido é exatamente o oposto: os ombros são mais largos (as costas também) se comparados aos quadris, mais estreitos. Além disso, a cintura também costuma ser mais reta. Nesse caso o recomendado é desviar o olhar para a parte inferior, com peças mais volumosas para a região dos quadris.

O formato ampulheta tem as proporções de cima e de baixo mais equilibradas, tal como o objeto. Cintura fina, ombros e quadris na mesma linha. O ideal nesse caso é manter a harmonia do corpo, usando peças de preferência com a cintura marcada, para valorizar o que tem de mais bonito naturalmente.

O formato retângulo também mantém as medidas dos ombros e quadris na mesma linha, no entanto, a cintura também. Portanto, a silhueta é mais reta, sem curvas. O indicado aqui é marcar a silhueta e usar peças que criem a ilusão de curvas.


Por fim, o tipo oval é aquele em que a cintura possui a largura maior que a dos ombros e quadris. A dica para esse tipo é usar peças que afinam a silhueta; disfarçando áreas mais salientes como a barriga e atraindo o olhar para regiões mais finas, como pulsos e tornozelos.

Por Jessica Moraes

Comente

Assuntos relacionados: moda estilo vestido tipo de corpo vestidos