Moda ajuda o PIB brasileiro

Segundo dados da ABIT (Associação Brasileira da Indústria têxtil e de confecção) o Brasil tem no mercado da moda um aliado e tanto para o desenvolvimento. Apesar das previsões de pouco crescimento para 2011, o mercado de moda não está decepcionando.

A estimativa para o PIB de 2011 é de 4,5% de participação para a Indústria Têxtil que movimenta com as tendências de moda. São 30 mil empresas no Brasil que empregam aproximadamente 1,7 milhões de pessoas. Nos últimos 10 anos, esse setor recebeu 13 bilhões de dólares que resultaram em 9 bilhões de peças por ano.

Além de tudo isso, o Brasil é autossuficiente em produção de algodão mesmo com a crise atual. Até o momento, o crescimento aponta 4% até o final do ano pode aumentar. O segmento que mais mostra crescimento dentro da indústria têxtil é o de vestuário, e o Brasil se mantém no posto de 2° maior produtor mundial de denin - o tecido base na produção de jeans.

Segundo o jornal O Valor, o PIB de 2011 está projetado em 4%, quem sabe a moda brasileira que está cada vez mais presente na Europa, não aumenta ainda mais essa previsão de índice?

Por Giseli Miliozi

Comente

Assuntos relacionados: moda fashion abit indústria têxtil pib