Maria Bonita - artesanal chique

Maria Bonita  artesanal chique

Desfile Maria Bonita. Arquivo MBPress

Um certo clima bucólico invadiu a São Paulo Fashion Week embalado por fado, Chico Buarque e Paulinho da Viola, foi essa a sensação no desfile da Maria Bonita com seu estilo artesanal chique. Costuras rústicas, alfaiataria com toques de geometria.

As modelos lembravam gueixas bem brasileiras, elas usaram chapéus que foram cortados geometricamente, de modo que os cabelos se transformassem em parte da aba dos chapéus. O efeito resultou em pura poesia. Macacões com alças de metal e enfeites coloridos, e muitos tecidos vazados que lembravam pontos feitos à mão.

Parece que o artesanato está dando o ar de sua graça nesta edição da semana de moda de São Paulo - os fashionistas e o Brasil agradecem. Também foi observado um toque de alfaiataria nos cortes displiscentes de blazers, saias longas, e nos macacões, de modelagem larga, marca registrada da grife. A cor predominante é o bege bem claro, com pinceladas de cor, inclusive no make que trouxe batons amarelos e azuis para a passarela pela primeira vez nessa semana.


Uma versão divertida de oxfords coloridos e estampados, feitos de tecido, completaram o desfile. O destaque ficou com o modelo andrógino Andrej Pejic que flanou pela passarela de batom vermelho e de terninho.

Por Giseli Miliozi

Comente