Looks para festas de final de ano no trabalho

Looks para festas de final de ano no trabalho

Color Blocking. Foto: reprodução/ Looklet

Novembro já passou da metade, muitos começaram a armar suas árvores de Natal e alguns já pensam até nas comprinhas e nos presentes. E não para por aí: com o final do ano, vêm também as confraternizações empresariais.

Festa é sempre uma delícia, mas não podemos esquecer quando ainda é um ambiente profissional. Questões comportamentais à parte, o vestuário é uma parte importantíssima nestes eventos.

As confraternizações são a oportunidade de mostrar o lado mais descontraído da nossa personalidade, mas neste caso, sempre tomando cuidado para transmitir uma imagem de responsabilidade e respeito.

Decotes profundos, transparências, comprimentos curtos demais e qualquer coisa que transmita sensualidade excessiva estão completamente fora do contexto, assim como o desleixo e o descaso com a aparência. Nos ambientes mais conservadores, não é bacana apostar em looks muito modernos, mas nem por isso as propostas de moda mais atuais precisam ser deixadas completamente de fora.

Em uma festa tipo coquetel, por exemplo, o color blocking funcionaria se as cores aparecessem em peças que tendem a ser mais minimalistas. Para não se destacar de forma negativa, a peça maior (no caso do exemplo, o vestido) pode ser em uma cor mais neutra, como o azul escuro, enquanto as cores mais fortes como o verde e o roxo podem aparecer nos acessórios - sempre em formas mais clássicas e discretas, balanceando a vivacidade da cor.

Já em uma festa mais sofisticada, em que os brilhos são bem-vindos, o material metalizado torna-se a tendencinha perfeita para se investir. Assim como no nosso exemplo, ele pode aparecer em um vestido com linhas simples e mais soltas, para dosar a informação. Mas para que o resultado não fique básico demais, um top cropped de renda (duas tendências fortes aqui: o cropped e a renda) complementa o look e ainda cobre o decote do vestido, deixando-o mais comportado. Neste caso, quanto mais neutros forem os acessórios, melhor.

A tendência do branco total pode ficar bacana se a sua empresa resolver celebrar o ano que passou com um almoço. Neste caso, a preocupação com o material e com o caimento é fundamental. Formatos mais dramáticos e exagerados, como túnicas e pantalonas (que também rementem aos anos 70 tão relembrados nesta estação) fazem com que o look perca o ar "consultório". E para não ficar com cara de "roupa de ano novo", outro truque é misturar vários tons de "brancos", como o marfim e o off white, ao invés de abusar só do branco puríssimo. Pequenos toques de cor em acessórios imponentes também são uma forma de deixar o resultado mais interessante.


Mas se a festa for em um ambiente mais descontraído, como uma churrascada, cuidado para não pecar pelo desleixo! Um vestido ou uma túnica+bermuda de linho ou algodão são uma boa pedida, especialmente em tonalidades terrosas. Uma bolsa grande de palha e uma sapatilha peep toe vazada vão dar o frescor e o conforto necessários, sem excessos. No caso das festas com piscina, opte por um modelo de roupa de banho mais comportado, como os maiôs - que, inclusive, são muito mais elegantes - e não se esqueça de só tirar a saída de banho quando entrar na água. Nada de ficar desfilando de biquini na frente dos colegas de trabalho!

Érica Minchin trabalha com pesquisa, criação e desenvolvimento de produtos em moda e ministra cursos e palestras sobre imagem e tendências. Ela ensina que aparência é a ferramenta de comunicação não-verbal mais poderosa e estimula explorar as melhores maneiras de fazer uso dela. Contato: contato@ericaminchin.com

Comente