Look Sexy!

Look Sexy

Na hora de montar um look sexy qual a primeira peça que vem à cabeça? Um vestido colado, uma minissaia, um decote profundo? Pois saiba que nem sempre “entregar tudo” no primeiro olhar é o que mais funciona. A consultora de estilo Amanda Medeiros lembra que é preciso saber dosar a mão ao mostrar o corpo.

“A subjetividade é o grau de sensualidade que mais atrai”, sentencia. E a dica primordial é evitar mostrar, ao mesmo tempo, uma grande porção da perna e decotes fartos e também não usar transparências ou tecidos colados durante o dia-a-dia, ao realizar suas tarefas cotidianas. “Busque fora das regiões óbvias, como busto e bumbum, outras formas de ser sexy”, indica. Ombros, costas e pescoço são regiões pouco exploradas e muito produtivas para as mulheres que querem expor sua feminilidade de maneira forte e, ainda assim, comportada.

“Quando se pensa em estilo e se trabalha com pessoas e desejos reais, não dá para deixar de lado as necessidades de um público consumidor que sempre quer se sentir desejado - mesmo que de formas e intensidades variadas”, diz.

Na hora de escolher as melhores peças para compor um look sexy, procure por aquelas que aticem a curiosidade masculina, deixando a subjetividade imperar. “Boas ideias são blusas e vestidos de mangas caídas ou mesmo transparências sobrepostas a peças ajustadas”, sugere. “Jogue também com o imaginário, investindo em roupas fáceis de tirar... como peças amarradas por laços, tomara-que-caia, lenços usados como blusa ou mesmo vestidos chemise com botões de pressão”.

Mas antes de optar por um decote farto, frente única, ou por uma saia mini, pense e pondere sobre a eficácia da peça no seu corpo. “Muitas vezes o uso equivocado dessas ferramentas acaba tocando o ridículo”.

As cores também são aliados da sensualidade. Branco e o vermelho caminham juntos entre os sentimentos de pureza e paixão. “O preto é sedutor ao extremo e também remete ao universo do fetiche, muito em voga nessa temporada”, diz Amanda.

Na hora de pensar na roupa, pense no tecido. “Os leves, que marcam o corpo, pedem modelagens um pouco mais afastadas, deixando em evidência as curvas a medida em que a mulher se movimenta, fazendo com que os olhares masculinos fiquem vidrados a espera de um leve descuido”, lembra a consultora. Segundo ela, o mesmo pode ser dito sobre texturas aveludadas, como é o caso do plush e da camurça. “Por serem macias elas atraem o toque e, por consequência, aproximam o sexo oposto”.

leia também


O look sexy é liberado em festas e eventos que fujam do ambiente profissional, em que o intuito único seja a diversão e o prazer. Entre quatro paredes, claro, o visual sexy é liberado e recomendado.

Faça o teste do espelho e tire o melhor do look sexy. A percepção da sua sensualidade deve andar distante do padrão óbvio do decote e do comprimento mini. Pense nisso!

Por Sabrina Passos (MBPress)

Comente