Dicionário fashion de inverno

Dicionário fashion de inverno

Ankle Boot. Foto: divulgação/ Jorge Bischoff.

No mundo da moda, nos deparamos com uma infinidade de palavras que parecem gregas ou de outro planeta. O fashionês pega muita gente sem saber o que a vendedora disse ou o que aquela crítica de moda realmente gostaria de expressar no artigo da revista.

Por esse motivo, o Vila Fashion foi atrás de Cecília Lima, consultora de moda e dona do portal Closet Online, para saber mais sobre alguns significados dessas palavras que não pertencem ao nosso dia a dia. Confira:

Ankle boot: são botas na altura do tornozelo e hoje contam com muitas variações. A medida se estende inclusive para sandálias e será novamente hit da próxima estação. O mais interessante é que o modelo cobrindo os tornozelos foi praticamente imposto às mulheres na sua criação, há muitos anos. Mesmo em dias quentes, por causa da moralidade da época, eles deveriam usar, já que era inconcebível uma mulher mostrar os tornozelos.

Calça Boyfriend: na tradução livre, estamos falando na calça do namorado, ou simplesmente a ideia de estar vestindo uma calça masculina (já que hoje já temos calças femininas sendo vendidas com esse apelo). É também conhecida como calça "lover" (do amante) e a sua febre nessas últimas estações se deve a celebridades como Katie Holmes, Sara Jessica Parker e Victoria Beckham, que saíram por aí com o modelito dos maridos.

Epaulettes: é a maneira em inglês de falar "dragonas", que são que aqueles enfeites aplicadas aos ombros em casacos militares e estão em alta nessa temporada. A década de 1980 foi recheada de artistas que aderiram a esse figurino militar com pompa. Entre eles Michael Jackson, Xuxa e suas paquitas.

Guipure: É um tipo de renda feita com fios finos que deixam o motivo bordado em destaque. É muito usado em roupas de noivas e em peitilhos de blusas femininas. Normalmente é feita com linho, seda ou algodão. As rendas também estão em alta e agora são deslocadas, servindo de acessórios.

Hoodies: Casacos ou jaquetas com capuz, que podem ter abertura frontal ou não. Os da marca Gap hoje são os mais almejados pela garotada. E podem ser confeccionados nos mais variados tecidos.

Hot Pants: Shorts muito curtos ou calcinhas muito grandes, normalmente de cintura alta. Os hot pants estão em alta por causa de figuras pops como a Victoria Beckham e Lady GaGa, porém elas não são tão novas quanto parecem. Mulher Maravilha já fazia um bom uso delas quando foi criada pela Comics, em 1941, e foi imortalizada pelo seriado de TV no corpo da atriz Lynda Carter, entre os anos de 1975 e 1979.

Jacquards: na verdade é uma padronagem de tecido, que formam algum tipo desenho em baixo ou alto relevo e é muito utilizado na indústria de decoração. O nome Jacquard é devido ao inventor desse tipo de tear, em 1780, Joseph Marie Jacquard.

Jeans raw: Jeans ecologicamente correto, que usa menos poluente, menos água, menos produtos químicos e produz assim menos resíduos durante a fabricação.

"Jumper": é uma espécie de avental, vestido mais cavado ou jardineira que feito para ser usado em sobreposições, com camisas, camisetas, blusas ou como sua imaginação permitir.

[galeria]

Manchon: é a forma francesa de se falar "regalo", aqueles agasalho cilíndricos feito de pele. É uma peça tradicional do vestuário russo e tem origem no século XVII, na França. Apareceu em alguns desfiles dessa temporada substituindo as luvas. Contudo, por não termos um clima tão pesado no Brasil, não será uma peça que deva pegar aqui nos trópicos.

"Moulage": é uma técnica de modelagem onde o estilista ou modelista desenvolve a criação da roupa ou molde no corpo de alguma pessoa ou manequim. Madeleine Vionnet foi considerada uma mestre em moulage, na década de 1930.

Patchworks: é um trabalho artesanal de união de tecidos de diferentes cores e estampa. Nas décadas de 1960 e 1970 foi muito popular. Hoje temos patchworks até em matérias primas como o couro. Marc Jacobs mesmo criou uma bolsa toda nesse sistema, utilizando outras bolsas para criá-la. Essa técnica prosaica já foi empregada até na alta costura.

Richelieu: Tanto é o nome de um ponto de bordado como um tipo de renda feito através desse bordado. É muito usado para fazer tolhas.


Trench coats: é um dos clássicos do guarda-roupa contemporâneo. Criado na 1º Guerra Mundial, o casaco de trincheiras ganhou esse nome devido ao tipo de guerra que se travou, entre os anos de 1914 a 1918, quando os soldados permaneciam dias dentro de trincheiras, sob diversos tipos de intempéries. Para proteger os soldados, o exército britânico encomendou casacos impermeáveis, com bolsos funcionais e um forro destacável, usado como cobertor. A criação do casaco ainda é discutida se foi realmente feito pela "Aquasctum" ou pela "Burberry". Hunfrey Bogart, no filme "Casa Blanca", difundiu o casaco entre os homens e, Marilyn Monroe, em 1960, com o filme Adorável Pecadora, para as mulheres.

Por Tissiane Vicentin (MBPress)

Comente