C&A é condenada por trabalho escravo

CA é condenada por trabalho escravo

Foto divulgação

Uma das maiores lojas de departamento do Brasil, a C&A foi condenada por trabalho escravo. Segundo a denúncia, três lojas do estado de Goiás não oferecem condições de trabalhos descentes aos funcionários.

De acordo com os promotores do Tribunal Superior do Trabalho, essas lojas prorrogavam o horário de trabalho além do permitido, não davam pausa para repouso e alimentação e não pagavam as horas extras como deveriam.

Em nota oficial, a empresa se defendeu dizendo que "repudia qualquer forma de trabalho análogo ao escravo". De qualquer maneira, a empresa terá que desembolsar R$ 100.000 de indenização aos funcionários dessas 3 lojas.


Por Helena Dias

Comente

Assuntos relacionados: c&a