As primeira tendências para o inverno 2012

  • Facebook
  • Pinterest
  • Twitter
  • Google+
As primeira tendências para o inverno 2012

Transparencia delicada da Acquastudio. Foto: Arquivo MBPress

A semana mal começou e alguns desfiles já confirmaram várias das nossas expectativas. Já no dia 9, Patricia Vieira veio mostrando que no inverno as texturas e estampas serão fundamentais. Inclusive misturadas.

Muita gente, aliás, abusou da mistura de materiais opostos em uma mesma peça, como André Lucian e Lucas Magalhães que misturaram couro com renda e seda. A proposta é ótima, mas não é nenhuma novidade, porém pede adaptações quando usada nas roupas do cotidiano, já que cada material pede um cuidado de lavagem e armazenamento distinto, mas nada que uma boa lavanderia não possa resolver.

A Acquastudio foi outra marca que ressaltou a importância das texturas nessa temporada, inclusive criando efeitos nas transparências. A marca trouxe mistura de estampas inclusive nos modelos mais apropriados para festas e grandes eventos.

Quem também não ficou de fora dessa foi a Alessa, que trouxe um inverno completamente estampado. Volto a dizer, aliás, que essa proposta é a forma mais fácil de atualizar os looks sem gastar muito, basta usar a criatividade e o bom senso!

Mas e os desenhos? Estampas regionais, geométricas e grafismos predominaram, mas já vimos também muitos florais - tanto nas estampas quanto nos bordados.

Quando os materiais vêm sem textura (tricôs, bordados, mesclas e afins), são misturados entre si, confirmando outra proposta que já comentamos: a dos color blockings como recortes em uma mesma peça. Quem mais fez isso até agora foi a Cholet, que trouxe calças bicolores e até um vestido sessentista que me lembrou a coleção Mondrian de Yves Saint-Laurent, em que as cores foram substituidas por nude, pêssego e cobre.

Apesar do clima das estações da temporada em questão não ser o mais propício, a Cantão não se intimidou e apostou em muitos brancos - inclusive em looks inteiros.

A Cantão também é um belo exemplo de como o próximo inverno pode ser aconchegante e confortável. A marca apostou em formas amplas mesmo no vestidinho de couro de ombros assimétricos, além das muitas malhas. A assimetria também não é novidade e, agora, apareceu em alguns looks da Patachou. Vamos ficar de olho.


Érica Minchin trabalha com pesquisa, criação e desenvolvimento de produtos em moda e ministra cursos e palestras sobre imagem e tendências. Ela ensina que aparência é a ferramenta de comunicação não-verbal mais poderosa e estimula explorar as melhores maneiras de fazer uso dela. Contato: ericaminchin@yahoo.com.br
  • Facebook
  • Pinterest
  • Twitter
  • Google+

Comente