As cores do próximo verão

As cores do próximo verão

Desfile Cori. Foto Arquivo MBPress

Se o preto foi "a cor do inverno", seu oposto veio dominar o nossopróximo verão.

Branco, entre outras coisas, transmite pureza, limpeza e, por isso, uma certa sofisticação. E eu, particularmente, acho incrível quando aparece com tanta força nas passarelas pois assim inspira a mulherada a perder o medo de que, ao usá-lo, pareça vestir um uniforme ou uma roupa para comemorar a virada do ano.

Relembrando, é claro, que a cor exige cuidados para que o visual atinja a elegância desejada. Observar transparências em pontos inadequados é o principal deles. Além disso, o material também não pode ser tão justo a ponto de marcar todas as saliências, transformando a imagem em vulgar. E não podemos esquecer que escolher a lingerie adequada é outro fator de grande interferência no resultado.

Acompanhado do branco, vieram outros neutros. O camelo e suas variações obviamente estão na cartela - ótima notícia para quem investiu em sainhas, shorts e peças mais leves nesses tons e poderá continuar aproveitando todas na próxima estação - ao lado dos tons cinzentos e até do preto, alvo de uma certa aversão nos dias mais insuportavelmente quentes.

A surpresa ficou na ausência de uma das propostas mais fortes vistas nas semanas internacionais: color blocking.

Se, por um lado, foi bom que os nossos estilistas tenham saído do lugar comum e seguido contra a corrente, por outro podem ter perdido uma boa oportunidade de aproveitar uma "tendência" que tem tudo a ver com o nosso país e tentar propor alguma coisa nova em cima dela.

Na lista de cores vivas e vibrantes, os azuis e laranjas estão predominando ao lado de um ou outro vermelho e também de um amarelinho mais cítrico, apesar que de forma bem mais tímida do que o esperado... Apenas pontuando looks mais neutros, ao invés de surgirem misturados entre si.


Em resumo, se as araras realmente seguirem o que temos visto nas passarelas, caberá a consumidora o papel de se aventurar em novas combinações e quebrar essa sobriedade toda, deixando nossas ruas mais coloridas e com mais carinha de verão brasileiro.

Érica Minchin trabalha com pesquisa, criação e desenvolvimento de produtos em moda e ministra cursos e palestras sobre imagem e tendências. Ela ensina que aparência é a ferramenta de comunicação não-verbal mais poderosa e estimula explorar as melhores maneiras de fazer uso dela. Contato: contato@ericaminchin.com

Comente