Aprenda a usar microssaias e evite cair na vulgaridade

Aprenda a usar microssaias e evite cair na vulgari

Saia Lu Monteiro, R$ 698. Foto: divulgação.

Quem não abre mão de andar na moda sabe: um dos looks que vem chamando a atenção da mulherada é, sem dúvida, a microssaia. As moças mais pudicas não devem ter gostado muito dessa peça fashion, uma vez que ela fica só quatro ou cinco centímetros abaixo das nádegas. "A proposta da microssaia é ser sensual e não sexy", faz questão de lembrar a estilista Lu Monteiro. E para evitar cair na vulgaridade, o Vila Fashion dá algumas dicas.

A regra é: se você quer ousar da cintura para baixo, procure ser discreta da cintura para cima. "Se está de microssaia, não use decote, blusas estampadas ou chamativas. Opte por uma cacharrel, camisa básica, acinturada ou blusas de paetê e de manga comprida", opina Lu Monteiro. "Eu acho o máximo microssaia jeans com blazer e de alfaiataria com blazer de couro. Um casaco mais comprido que a saia não é proibido, mas não é legal. A saia precisa aparecer", diz.

A consultora Sabina Donadelli, autora do DVD "Curso de Personal Stylist", aconselha combinar a microssaia com meia fio 80. "Sem meias, a mulher corre o risco de cair na vulgaridade", afirma. Ela lembra ainda que a peça de cima não pode cobrir a saia. Tem que estar, no máximo, na altura do cós. "Aposte em camisetas curtinhas e casaquetos. Saias escocesas, puxada para o vermelho, vão bem com jaquetas jeans. Mas se o modelo for preto e tiver um corte mais reto preto, use com jaqueta xadrez", declara.

Sabina não aposta no uso de blazer por que acha que a mistura de tecidos pode ser perigosa. Mas assim como Lu Monteiro, aprova o uso de cacharréis, e diz que elas podem estar por baixo de outra blusa. "Dá para usar as de lãs mais grossas sozinhas, desde que a microssaia seja combinada com meia", opina.

Para a moda outono-inverno, Lu aposta nas microssaias com brilho e modelos que vão do couro até o jeans. Outras opções são plumas, com pregas e de cortes básicos e geométricos. Já Sabina acredita que as mulheres devem priorizar os modelos em lã. As cores são as do inverno, como o cinza, mas a aposta mesmo é no preto, por conta do estilo rocker.

Nos pés, use uma ankle boot, já que está em alta. Lu Monteiro sugere ainda botas de cano longo. Sabrina indica botas na panturrilha ou na altura do joelho, desde que a mulher esteja usando cores bem próximas. Caso contrário, a chance de achatar a silhueta é muito grande. "Por exemplo: bota café com meia café, vinho ou preta, fica bacana. Neste caso, tanto faz a altura do cano. Agora bota sem meia ou com saia clara achatam a silhueta".

Meias são muito bem-vindas. "Se a microssaia é lisa, aposte num modelo trabalhado, de poá com bolinhas da mesma cor da meia, ou ainda de lá, colorida e estilo legging",diz Lu Monteiro.

Mas cuidado com os acessórios. Para a estilista, a saia de paetê dispensa esse complemento. Porém a de jeans pode agregar cintos de couro e com tachas, que estão muito na moda. "Pessoas mais delicadas devem usar brincos pequenos. E se for mais ousada, pode optar pelos brincos grandes", completa.

Porém, Sabina ressalta: "Todo look tem um ponto focal e a microssaia chama atenção por si só. Brincos grandes e bolsas coloridas ficam over. O melhor é evitar bolsas estampadas e de cores berrantes". "Se quiser, pode usar cintos discretos e brincos ou tiaras, mas nada muito colorido. Use bolsas que tenham uma das cores da roupa. E lembre-se que o acessório não pode aparecer mais do que a saia", explica.

Posso usar?

Para Lu Monteiro, esse modelo de saia deve ser usado apenas por mulheres que têm pernas finas e longas e também pelas baixinhas. Isso porque a microssaia favorece nesses casos, pois dá a impressão de que perna é mais comprida. "Entretanto, mulheres de pernas grossas demais devem evitar, porque fica muito vulgar e sexy demais", diz.

Já Sabina enumera três perfis que combinam com o modelito: "Mulheres de estilo sexy, de estilo criativo e de até 25 anos. Se você respondeu ‘sim’ a pelo menos duas dessas descrições, pode usar". Ainda na opinião da personal stylist, a idade é mais importante do que o biotipo na hora de usar a microssaia.

Quanto à "proibição" do uso de microssaias pelas mulheres de pernas grossas, Sabina retruca: "Os homens aprovam. É difícil falar para uma mulher que faz sucesso com o sexo oposto que não fica bacana vestir uma saia desse comprimento. Se você falar que está vulgar, ela certamente vai responder que você está com inveja".

[galeria]

Em um ponto as duas profissionais concordam: quem usa o modelito precisa ter capacidade para bancar o look. "Pior do que sair de casa com um chapéu é voltar com ele dentro da bolsa. Não adianta usar uma microssaia e ficar se escondendo atrás da mesa, puxando na hora de sentar", diz Sabina. "A mulher que usa essa peça de roupa tem que se abaixar sempre com joelhos juntos e não pode cruzar as pernas de qualquer jeito. Se algo cair no chão é melhor pedir para alguém pegar", comenta Lu Monteiro.


A personal stylist ratifica que microssaia corresponde a um look informal. Por isso, use-a na balada, na praia, ou para ir ao cinema com as amigas. "Não vá ao trabalho, casamentos, formaturas ou a festas, cujo traje é esporte fino, social ou gala. Soa como provocação".

Por Juliana Falcão (MBPress)

Comente