7 dicas para comprar vestido de noiva pela internet

7 dicas para comprar vestido de noiva pela interne

foto: Dean Pictures/Corbis

O costume de andar horas e horas pelas ruas atrás de um vestido de noiva não faz mais parte do planejamento de todas as mulheres que vão subir ao altar. Acostumadas a fazer tudo com apenas um clique, já há noivas que acessam a internet e escolhem o modelo que mais lhe agradam sem sair de casa. Pagam com cartão de crédito ou débito e depois de alguns dias recebem a encomenda em casa por Sedex.

Uma das lojas que aposta nesse nicho é A Modista, localizada no bairro dos Jardins, em São Paulo. "O número de compras virtuais é quase igual ao presencial. A noiva escolhe o vestido, vê as medidas e a disponibilidade da peça e compra. Os modelos longos variam de R$ 5 mil a 10 mil. E os curtos vão de R$ R$ 1 mil a R$ 5 mil", conta Gisele Dias, sócia da loja.

A empresária pensa que essa grande procura se deve ao fato de as mulheres quererem resolver tudo de maneira mais rápida hoje em dia. "Há casos de mulheres que evitam fazer sob medida, por terem medo de não gostar do resultado. Tanto é que estamos ampliando nossa linha de vestidos porque a demanda de pedidos virtuais tem crescido."

Uma das vantagens de se comprar o vestido pela internet é que a noiva pode customizá-lo depois, seja na loja ou com a ajuda de uma costureira de confiança. É possível aplicar pedras, rendas e até mangas. Mas nunca se esqueça de incluir o valor da mão de obra no preço final do vestido, para ver se realmente está fazendo um bom negócio. Dependo da quantidade de customizações, o melhor é começar do zero.

O site de A Modista está passando por modificações. Por enquanto, as noivas podem ver os vestidos pelo Facebook e Instagram e mandar um e-mail fazendo a solicitação. "Para o novo site, que deve estar pronto em julho, nossa ideia é apresentar o vestido cru, acompanhado de fotos com sugestões de acessórios", adianta Gisele. "No futuro teremos uma linha somente para vendas online."

É importante lembrar que a loja também faz customizações, modelos sob medida e restaurações de vestidos. "Às vezes a noiva quer se casar com o mesmo vestido da avó, que tem mais de 100 anos. Ou então quer unir os modelos usados pela mãe e pela avó", conta a sócia. O ideal é a noiva procurar a loja entre dois e quatro meses antes do casamento.

Se você está pensando em comprar seu vestido de noiva pela internet, veja as dicas que Gisele separou para você:

• Fique de olho nas medidas, principalmente de busto e quadril. A Modista, por exemplo, tem uma tabela, usada para fazer o encaixe das medidas e oferecer a numeração mais próxima.

• Tenha sempre na manga alguém para fazer os ajustes necessários. Procure alguém que já tenha experiência com vestido de noiva, pois eles são muito delicados.

• Peça ajuda a alguém que entenda bem de costura e tecidos antes de comprar seu vestido. Assim, o barato não sai caro.

• Verifique se o vestido permite algum tipo de modificação. Se a renda for colada na barra, por exemplo, e não aplicada, fica difícil de tirar, pois pode estragar o tecido. Sem contar que em vestidos sem bico na barra fica mais fácil fazer aplicações de renda.

• Tenha bom senso e compre um vestido que seja adequado ao seu corpo. Se você tem muito busto, não adianta comprar um vestido com um decote muito grande ou que não dá sustentação. Pense que você ficará horas com ele e o conforto deve ser prioridade.


• Saiba bem o que quer. Se por acaso você procura um vestido justo, não compre um com saia rodada. O trabalho que a costureira terá para cortá-la será enorme, valeria mais a pena começar o vestido do zero ou escolher outro modelo.

• Compre num site confiável. Isso aumenta a garantia de o vestido apresentar materiais de alta qualidade.

Por Juliana Falcão (MBPress)

Comente