Acessórios para os cabelos

Acessórios para os cabelos

Preço: 250 dólares. Foto: divulgação

Criatividade não é nada com uma boa dose de iniciativa. As amigas americanas Jen e Jamie aprenderam bem a lição e passaram de ano sem recuperação. Começaram em casa mesmo fazendo belas peças para fazer as próprias cabeças e ganharam logo as dos amigos. Desde o início, em 2008, as duas conquistaram um pequeno império - pelo menos é assim que sentem.

Juntas, as estilistas criaram a Ban.Do, grife que produz tudo que você pode imaginar para usar na cabeça - tiaras, laços, fitas, faixas... tudo em edição limitada ou ainda mais exclusivo, com uma peça apenas de cada, como na coleção Black Label.

Tudo que criam é feito à mão, usando especialmente material vintage (leia-se penas, plumas, pedras, cetim e veludo, por exemplo). Nada muito barato, mas complemente desejável. As duas ainda têm paixão pela forma de coração e lançaram peças mais acessíveis com o nome "Heart". Nessa, todas custam US$ 50 ou menos. Os preços médios são bem mais salgadinhos. Há ainda modelos para noivas, madrinhas e damas de honra.

[galeria]

A ideia de Jen e Jamie é fazer com que mulheres se sintam belas, com os enfeites que elas criam. Brincalhonas, as duas reiteram que as peças custam menos que uma cirurgia plástica e são garantias de que as clientes se sentirão especiais e lindas. Celebridades já conferiram o trabalho das duas e podem ser vistas numa infinidade de capas e miolos de revistas, usando as headbands ou tiarianhas feitas pelas amigas. A cantora country Taylor Swift, por exemplo, tem vários modelos e já foi clicada em shows ou caminhando por aí com a cabeça feita.


A marca é gringa, mas há possibilidade de entrega no mundo todo. Os pedidos internacionais são enviados pelo serviço de correio americano (USPS) a menos que outro seja requerido. São necessárias pelo menos quatro semanas para entrega fora dos Estados Unidos, inclusive aqui no Brasil. A Ban.Do ainda não existe fisicamente, mas as amigas sonham com a lojinha em Los Angeles, onde moram e já tem um estúdio. Para ver mais peças e conhecer mais da história, acesse www.shopbando.com. É de se inspirar!

Por Sabrina Passos (MBPress)

Comente