Rodrigo Santoro, talento made in Brazil

[img=1]

Rodrigo Santoro está com tudo ! Despontando mais e mais a cada trabalho no cinema internacional, o ator tem promovido seu novo filme, “Leonera”, do argentino Pablo Trapero.

No longa-metragem, Santoro interpreta um personagem bissexual que se envolve em um triângulo amoroso. Com poucas cenas, mas muita carga dramática, Ramiro, personagem do brasileiro, se relaciona com o marido de Júlia, interpretada pela atriz Martina Gusman, e com a própria Júlia.

A história gira em torno dela, que é presa e está grávida. A criança pode ser fruto tanto do relacionamento com o marido quanto com Ramiro. “Leonera” mostra os primeiros quatro anos de vida do filho de Júlia até a idade em que ele deve deixar a cadeia, onde estava com a mãe (Uma lei argentina permite que os filhos das presas permaneçam com elas até completarem quatro anos).

Na coletiva de imprensa, no Festival de Cannes, Rodrigo Santoro declarou: “Foi um grande desafio desenvolver esse personagem tão intenso, que mantinha uma relação com um homem e uma mulher e ficava balançado ao saber que aquele menino que vivia na cadeia poderia ser seu filho”

Com cerca de oito participações em atrações na televisão, mais de quinze filmes e uma peça teatral, o ator de 32 anos apareceu pela primeira vez nas telinhas na novela “Explode Coração”, da Rede Globo, em 1995.

O primeiro filme foi “As Panteras- Detonando”. Sua atuação gerou polêmica no Brasil por um simples motivo: ele não tinha falas e nem muito destaque. O ator interpretou o assassino misterioso Randy Emmers e contracenou com as atrizes Demi Moore, Cameron Diaz, Drew Barrymore e Lucy Liu. Já no britânico “Simplesmente Amor”, Santoro fez um dos personagens principais da história, chamado Karl.

Na televisão ele também tem em seu currículo a participação no seriado Lost, uma das maiores audiências da TV americana, como o personagem Paulo.

Um outro papel de grande destaque do astro brasileiro no cinema foi no filme “300”, no ano passado. Adaptado dos quadrinhos de Frank Miller, o ator fez o papel de Xerxes, o grande vilão que comandava o exército dos Persas contra os trezentos de Esparta, liderados por Leônidas. No longa, ele está irreconhecível. Com a voz modificada, sem cabelos e com o corpo bem malhado, Santoro deu vida a um gigante.

Dá até gosto de ver, não é ? Talento e beleza quando andam juntos, não há quem segure !

Fonte - MBPress

Comente

Assuntos relacionados: novela