Revista "Ya", a mais lida do Chile, proíbe o uso de Photoshop

revista proíbe photoshop

Foto - Reprodução/BBC.

Desde janeiro deste ano, a revista "Ya", publicação feminina mais lida do Chile, decidiu que não usaria mais o programa Photoshop para retocar as fotos das modelos. Para a editora da revista, Paula Escobar, o principal motivo é "romper com a ideia de que o corpo mais bonito é magro e jovem".

Durante a declaração que deu explicando a mudança, a jornalista afirmou que esse é só o começo de uma longa jornada. Mas afirma: "Isso nos enche de esperança de que seja possível ajudar para que nossas filhas deixem de sonhar em ser bonecas quando crescerem e aceitem-se como são".

A iniciativa foi chamada de Campanha das Boas Práticas e é um compromisso com as milhares de leitoras da revista. Além de usar fotos naturais, a revista ainda vai contratar apenas modelos maiores de 18 anos - negando trabalho às crianças - e com índice de massa corporal acima de 18,5 que é o estabelecido internacionalmente como um peso normal, certificado por um médico.

Esse último item é primordial para desconstruir o ideal do corpo "perfeito". Como Paula ressalta: "É paradoxal que o século 21, quando as mulheres têm mais direitos do que nunca, seja o século onde prevaleça a ideia de que, para ser bela, deve-se ter um determinado tipo de corpo que não o seu próprio e, além disso, um tipo que requer privação de alimentos".

Entre os primeiros passos também está a reestruturação do conteúdo das matérias da revista.

"Desconstruir de certa forma a própria ideia do que é belo e dar a ela um novo significado, de acordo com a realidade chilena. E também evitar o tom de regra aos conselhos de beleza: fugir da armadilha de dizer que as mulheres ‘devem’ consumir certas coisas para ‘serem’ aceitas", explica a editora.

Concordando com a campanha, várias agências de modelos quiseram participar e enviar modelos a uma consulta médica para obterem o certificado de idade e peso normal. Mulheres influentes e formadoras de opinião também aderiram à novidade.

"Agora, estamos próximos de realizar nosso primeiro seminário sobre o tema. Convidaremos a uma reflexão sobre as mulheres e sua representação nos meios de comunicação, não só nos jornais e nas revistas, mas também na televisão, no cinema e outros", conclui a visionária.


Por Alessandra Vespa (MBPress)

Comente

Assuntos relacionados: modelos revistas photoshop beleza