Reprise de “Pantanal” surpreende na audiência!

Reprise de “Pantanal” surpreende na audiência

Divulgação SBT

“Quando acabar a novela ‘A Favorita’, da Rede Globo, troque de canal e veja ‘Pantanal’”. Quem ainda não viu um anúncio desses no SBT? Aclamada como “a arma secreta” da emissora de Silvio Santos, a reprise do folhetim “Pantanal”, produzido pela extinta TV Manchete e transmitido originalmente em 1990, tem alavancado a audiência da emissora paulista.

Com média de 14 pontos no ibope (cada ponto equivale a 55 mil televisores sintonizados) e picos de 18, a reprise está tirando o sono das outras emissoras. A audiência de “Pantanal” já conseguiu inclusive roubar alguns pontinhos dos folhetins da Rede Record, batendo a nova novela da Record, "Chamas da Vida". Nesta última segunda-feira, Pantanal marcou 15 pontos de média no Ibope da Grande São Paulo.

Ambientada no Rio de Janeiro e no Pantanal, a novela de Benedito Ruy Barbosa foi responsável por mostrar pela primeira vez ao público diversos atores e gerou também muita polêmica com as cenas de nudez.

Carolina Ferraz, Marcos Winter e Cristiana Oliveira estrearam na trama. Cristiana, por sua vez, fez muito sucesso na pele da protagonista Juma, a moça selvagem que virava onça toda vez que se sentia ameaçada. As cenas sem roupa elevaram a estreante ao posto de símbolo sexual.

E por onde andam os atores que protagonizaram as famosas cenas em “Pantanal”? Alguns estouraram na época da novela e desapareceram momentos depois. Outros podem ser vistos até hoje. É o caso de Carolina Ferraz, intérprete de Irma na primeira fase da novela. A atriz, que era apresentadora da TV Manchete e foi convidada para participar da trama tinha 22 anos na época.

Marcos Winter, o Joventino, par romântico de Juma, esteve no ar recentemente em “Duas Caras”, no papel do deputado Narciso Tellerman. Ele já protagonizou a trama “Irmãos Coragem”, da Rede Globo, em 1995, mas nunca alcançou o sucesso de “Pantanal”. Cristiana Oliveira também já estrelou outros folhetins, mas sempre é lembrada pela eterna Juma. Ela foi a atriz principal do folhetim “Corpo Dourado”, papel que lhe rendeu críticas por ter atuado de forma muito parecida com a performance que teve em “Pantanal”. Atualmente, ela está voltada ao teatro e é contratada da Rede Globo até 2011.

E quem não se lembra de Ingra Liberato, a atriz que interpretou a jovem Madeleine na primeira fase? Após o sucesso que obteve com “Pantanal”, Ingra protagonizou outra trama da TV Manchete, “Ana Raio e Zé Trovão”. Ela teve pequenas participações em outras novelas da Record e Globo, como “O Clone” e “A Indomada”, mas também não voltou ao sucesso.

Paulo Gorgulho, que fez muito sucesso na pele de Zé Leôncio na primeira fase, e no papel de José Lucas de Nada, na segunda, também não conseguiu o mesmo sucesso. O ator estourou na época da trama da Manchete e voltou na segunda fase a pedido do público, que sentiu sua falta na novela. Depois disso, fez papéis na Record e na Globo, mas nenhum teve tanta importância em sua carreira quanto os que interpretou em “Pantanal.

Fonte - MBPress

Comente