Miley Cyrus defende Demi Moore

Miley Cyrus defende Demi Moore

Foto: Reprodução Just Jared

Irritada com a marcação cerrada da imprensa, a jovem atriz Miley Cyrus resolveu defender a colega de trabalho Demi Moore. As duas contracenam juntas no filme "Rindo à toa", com estreia no Brasil marcada para 25 de maio.

"A mídia faz todos em Hollywood parecerem fracos, estúpidos e desequilibrados... Só porque ela está em Hollywood, não significa que use drogas. NEM TODO MUNDO USA DROGAS!!! Coloquem-se no lugar dela. Como você pode se levantar quando todo mundo é tão ingênuo e acredita em tudo o que a mídia diz? Praticamente toda sua vida foi vivida sob os olhares do público", escreveu Miley.

E finalizou: "As pessoas precisam deixar Demi em paz. Ela enfrentou tanta coisa no último ano. Não precisa de todo esse lixo. Como podem falar tanto de alguém que não conhecem?"

Caso Demi Moore

Depois dos escândalos envolvendo seu casamento com Ashton Kutcher e de aparecer em público mais magra do que o normal, a atriz Demi Moore também virou notícia por ter sido internada no dia 23 de janeiro.


As informações da mídia se contradizem: algumas dizem que Demi havia se internado na Cirque Lodge, de Utah, para tratar da anorexia e abuso de drogas. Outras dizem que ela foi tratar de uma crise de ataques epiléticos.

Por Juliana Falcão (MBPress)

Comente