"Insensato Coração" começa com muito romance e armações

Insensato Coração começa com muito romance e armaç

Daniella Sarahyba, que interpreta si mesma, com Natalie Lamour (Deborah Secco). Foto Divulgação/TV Globo

A nova novela das 21 horas da Rede Globo "Insensato Coração" nem começou ainda, mas já promete um primeiro episódio recheado de mistérios, armações e, claro, romance. Nesta segunda-feira (17), Natalie Lamour (Deborah Secco), uma ex-participante de reality show, chega à premiação na Barão da Gamboa e coloca o pé na frente para a modelo Daniella Sarahyba, que ela mesmo convidou, tropeçar.

E não para por aí: Daniella, que conta que precisa subir ao palco para entregar o prêmio de Melhor do Ano na categoria design, recebe uma taça de Natalie, para brindarem. Mas o que ela não sabe é que, dentro da taça, a loira colocou sonífero.

Ainda na boate, André (Lázaro Ramos) leva um fora de Natalie, mas continua à caça. Ele pergunta se já não conhecia Carol (Camila Pitanga) de algum lugar e a morena explica que eles já se conhecem, do colégio Pedro II. Carol conta que ela era magrela, usava aparelho nos dentes, e que nunca ia às festas. Já André era o garanhão e popular da escola. O que a moça não conta é que ela era apaixonada por ele, quando adolescente.

Marina (Paola Oliveira), que estava na Itália e voltou ao Brasil recentemente, quer abrir seu próprio escritório de design no Rio de Janeiro e procura André, eleito o Melhor do Ano. Ele não perde a oportunidade e xaveca a loira.

Em outro momento, ao lado do pai, mãe e filho, Pedro Brandão (Eriberto Leão) aterrissa seu jato executivo na Werner Táxi Aéreo. Enquanto Werner Lindemberg (Zé Vitor Castiel) e Rita (Juliana Serra) observavam o piloto, Léo Brandão (Gabriel Braga Nunes) chama o irmão para uma conversa.

Embora irmãos, Léo e Pedro têm caráter bem distinto. Léo está precisando de R$ 100 mil para entrar em uma sociedade. O problema é que a atividade que ele pretende exercer é ilegal, ligada a caça-níqueis. O jovem vai a um bar na periferia de Florianópolis, em Santa Catarina, para conversar com Afrânio (Nelson Diniz), que está "abrindo um negócio próprio". Mas o investimento é alto e, embora assustado com o valor, Léo se compromete a concretizar a sociedade. Esperto, o moço pede ajuda à família e mente, dizendo que é dinheiro para investir em um terreno. Quem não gostou muito da história foi seu pai, Raul (Antônio Fagundes), que compara Léo a Pedro, dizendo que ele deveria colocar os pés no chão.

Inconformada com as palavras do marido, Wanda (Natália do Vale) discute com o empresário depois do jantar, colocando em xeque a preferência do marido por Pedro. Raul se defende: "Eu amo meus dois filhos! Mas o Pedro tem juízo, o Léo não tem!"

Quem acha que está com tudo é Natalie Lamour, que vai à uma clínica de estética para fazer massagem com pedras quentes, shiatsu, banho de imersão e tudo o mais. Só que a loira sai sem pagar, alegando à gerente ser famosíssima.

Luciana (Fernanda Machado) está a mil com os preparativos de seu casamento com Pedro. Enquanto a noiva faz a última prova do vestido de casamento, o noivo não deixa de procurar pela amada.


Eunice (Debora Evelyn) e Zuleica (Bete Mendes) não deixam Pedro ver sua noiva com o vestido para não dar azar. Isso e muito mais, à espera dos telespectadores.

Por Ana Paula de Araujo (MBPress)

Comente