Greve da PM cancela shows em Salvador

Cancelamento de shows em Salvador

Foto: Agnews

Por conta da insegurança, os ensaios de Carnaval, os shows e até apresentações teatrais marcados na cidade de Salvador estão sendo cancelados. O caso mais recente é o da banda de pagode Black Stile. O último show estaria marcado para a próxima terça-feira (07), na área verde do Wet'n Wild e contaria com as participações de Mr. Catra, da banda Nosso Sentimento e de Márcio Vitor, líder da banda Psirico.

A cantora Claudia Leitte usou seu blog para comentar sobre a greve. "A Bahia está pagando um preço muito alto por tudo isso. Quando impedem o nosso ir e vir, quando cerceiam nossa liberdade e tiram a alegria que é uma marca em nosso povo, em nossa terra, algo de muito grave está acontecendo. A Bahia está ferida", concluiu.

Durante show no sul do Brasil, Ivete Sangalo também manifestou seu descontentamento: "Nós somos artistas e cidadãos. Temos direito à segurança. Espero que a tranquilidade se restabeleça porque não existe joia mais preciosa do que os meus baianos".


A greve da Polícia Militar começou na terça-feira (31). E entre as 21h de terça-feira (31) e as 4h49 desta segunda-feira (06), foram registrados 89 homicídios e 199 furtos ou roubos a carros em Salvador e Região Metropolitana, segundo a Secretaria de Segurança Pública da Bahia (SSP-BA). No domingo (05), os 2.500 homens das Forças Armadas que estão em Salvador ganharam um reforço de 40 homens do Comando de Operações Táticas.

Por Juliana Falcão (MBPress)

Comente