Ex-marido de Sandra Bullock diz que traí-la foi sua única saída

Traição foi a única saída para Jesse J

Sandra Bullock no Red Carpet do Oscar - Foto Grosby Group

Em sua autobiografia "American Outlaw", o ex-marido de Sandra Bullock, Jesse James, revelou que trair a atriz foi sua única opção, pois se sentia preso no casamento. Além disso, o motociclista afirmou ainda que não se sentia bom o suficiente para a estrela de Hollywood e nunca se convenceu de que ela o amava.

"Eu não tinha como fugir. Nem por um instante. Eu estava desesperado para encontrar algo que me trouxesse algum senso de liberdade. Então, pensei naquilo que poderia me dar a sensação de independência. Infidelidade, infelizmente, estava no topo da minha lista", declarou.

Sandra Bullock e Jesse James se casaram em julho de 2005 e se separaram em junho de 2010. O fim do enlace aconteceu após a imprensa publicar que James mantinha um caso com a modelo tatuada Michelle McGee há 11 meses. A relação começou quando Sandra se dedicava às gravações de "Sonhos Possíveis" ("The Blind Side"), trabalho que lhe rendeu o Oscar na categoria Melhor Atriz.

Por Juliana Falcão (MBPress)

Comente

Assuntos relacionados: traição glitter marido