Big Brother Brasil 9 - casa de vidro e novidades no paredão

Big Brother Brasil 9

Foto - MBPress

A casa mais famosa do Brasil está prestes a abrir suas portas, na próxima terça-feira (13). Os participantes da 9ª edição do Big Brother Brasil já foram divulgados e mesmo com todas as novidades que acontece quando se coloca 14 pessoas desconhecidas na mesma casa, a produção do programa ainda preparou provas e regras especiais.

“Os participantes do programa vão chegar e já terão uma enorme surpresa”, garantiu Boninho, diretor de núcleo do BBB9. Ele e Luiz Paulo Simonetti contaram que, diferentemente das demais edições, os “brothers” entrarão na casa só à noite, na estréia, recebidos pelo apresentador Pedro Bial.

Nessa hora, quatro dos dezoito pré-selecionados serão avisados que irão para a casa de vidro, construída no shopping Via Parque, na Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro, e os outros 14 passarão a conviver na casa mais vigiada do Brasil. “Ainda não escolhemos quem serão os quatro. Nem eles vão saber até o programa ir ao ar. Eles vão ter que batalhar para conquistar a gente até o dia da estréia”, garantiu Boninho.

Esses quatro ficarão uma semana na casa de vidro, e os visitantes poderão escolher em quem votar. “A ‘bolha’ não é à prova de som. Quem for ver de perto vai poder interagir com os confinados e, então, votar no seu preferido”. O público escolherá um deles para se juntar aos demais jogadores, votando por uma tela localizada ao lado da “bolha”, ou pelo site programa (www.globo.com/bbb). Os outros três serão automaticamente eliminados da edição.

Já na famosa casa construída em Jacarepaguá, os “brothers” vão se deparar com uma novidade na votação para o paredão. Antes eles ficavam cercados pela segurança do confessionário e podiam dar vazão às estratégias, planos e “panelinhas” na hora votar. Agora, antes da votação, alguns serão sorteados e terão que escolher o indicado na frente dos seus concorrentes. A casa será vigiada por 46 câmeras.

A terça-feira continua sendo temida pelos "brothers", embalada em um misto de medo, mágoa, saudade, intrigas e articulações, que começam no domingo, quando dois são indicados ao paredão. Decisiva para o jogo, a prova do líder permanece às quintas-feiras. A disputa pelo colar do anjo, que pode salvar alguém da indicação ao paredão e gerar uma reviravolta nos planos dos demais jogadores, acontece às sextas. No domingo, a casa vive em torno das "panelinhas", estratégias, maledicências, indicação do líder para um ir ao paredão e suposições sobre os votos dos concorrentes.

Por Sabrina Passos (MBPress)

Comente