BBB 10 - Ronaldo Fenômeno torce por Dourado

BBB 10  Ronaldo Fenômeno torce por Dourado

Foto/Divulgação TV Globo

Mais uma terça-feira de eliminação no "Big Brother Brasil". A diferença, dessa vez, talvez seja o peso da formação desse Paredão, que levou Eliane, Cacau e Dourado para a batalha. As brigas - antes e depois das indicações - mostram que a turma da décima edição não leva desaforo pra casa, mesmo.

Briga após briga, semana após semana, essa edição do "BBB" vem se provando como a mais esquentadinha. Não há dia que passe sem uma voz levantada, uma intriga armada ou uma desavença travada. Na noite desta terça, deve sair quem se meteu menos em confusão - no caso, a quase apagada Cláudia. Queridinha, nem braba (ou bêbada) ela consegue perder a cara de boa menina. Depois de hoje, talvez ela perceba que para crescer, e continuar no jogo, é preciso mesmo aparecer. Mesmo que isso custe uns bons arranhões na imagem.

Essa edição conta com fãs estrelados. Angélica já disse que torce por Dicesar. Ivete Sangalo fez campanha para Anamara. E agora, Ronaldo, ele mesmo, o Fenômeno, admitiu sua admiração por Marcelo Dourado.

Em entrevista ao jornal "Meia Hora", o jogador disse que gosta muito do "BBB" e torce sim para que o lutador vença a competição. "Eu me amarro no Dourado. O programa é um jogo e ele e o Cadu são os melhores jogadores", disse. Se depender do peso da torcida, pode ser mesmo que o "re-BBB" leve dessa vez o prêmio pra casa.

Entenda a formação desse paredão:

Dourado criticou muito Eliéser, que recebeu o colar do Anjo da amada Cacau e, assim, deixou a vaga do Paredão aberta para ela. O lutador não perdeu a chance de chamar o desafeto de covarde e, tudo indica que estava mesmo fazendo força para livrar a própria pele. Se Eli não recebesse o colar, ele mesmo iria para a berlinda, ao lado provavelmente de Cacau e Lia - e o lutador se salvaria dessa. Com o poder que o Big Fone lhe deu - e sem poder mandar Eliéser para o Paredão, Dourado então indicou Cacau para a disputa e gerou mais confusão.

Como a estratégia de manipulação de Dourado não funcionou, ele foi novamente para a zona de perigo, com a maioria dos votos da casa. Mais um conflito estava então instaurado. Anamara havia dito para Dourado que não votaria nele, mas não pode cumprir a promessa. Indignado, ele cobrou a palavra da sister e os dois viraram a noite de domingo num bate-boca genial.

Além dos dois, Lia foi novamente ao Paredão, resultado de uma desavença antiga com Michel. Depois de indicar a amada dele, Tessália (que foi eliminada com honras), ele vem insistindo, semana após semana, na saída de Lia.


Nem as supostas pazes que fizeram tiraram o nome da dançarina da reta.

Por Sabrina Passos (MBPress)

Comente