"Amor à Vida" vai criticar a proposta de "cura gay" em cena

Amor à Vida vai criticar a proposta de cura gay em

Foto: Divulgação/ Tv Globo

Walcyr Carrasco vai aproveitar que seu folhetim das 21h, "Amor à Vida" trata, entre outros temas, de relações homossexuais, e não medirá esforços para criticar o projeto "cura gay", aprovado pela Comissão de Direitos Humanos da Câmara na semana passada.

De acordo com a coluna "Outro Canal", publicada no jornal "Folha de S. Paulo" desta quarta-feira (26), Carrasco, que já não se dá bem com o deputado federal Marco Feliciano, presidente da comissão, deve inserir o tema na novela em tom de crítica.

Por meio de diálogos entre médicos e psicólogos que trabalham no hospital fictício da novela, o autor vai comentar que a lei que permite tratamentos para cura de homossexuais é preconceituosa e se trata de um retrocesso.

Além do homossexual Félix, vivido por Mateus Solano, a novela traz o casal gay Eron (Marcello Antony) e Niko (Thiago Fragoso), que atualmente procura uma barriga de aluguel para realizar o sonho de ter um filho.


Por Juliana Falcão (MBPress)

Comente