4 surpresas para esperar de 50 Tons Mais Escuros

Dirigido por James Foley, o filme é o segundo longa-metragem inspirado nos romances eróticos de E.L.James
50 tons mais escuros

Divulgação

O soft porn mais esperado de todos finalmente chegou às telonas! 50 Tons Mais Escuros, é um romance sadomasoquista entre uma garota comum e um magnata com desejos sexuais peculiares. O segundo filme inspirado na trilogia de livros de E. L. James, corrige algumas das principais falhas do seu antecessor e se mostra um produto mais bem acabado. Isso quer dizer que se você curtiu 50 Tons de Cinza vai AMAR 50 Tons Mais Escuros!


Veja aqui algumas coisas que você com certeza pode esperar desta nova sequência:

1# Mais tensão e uma evolução de Anastásia

Se o primeiro filme apostou mais na tensão sexual entre os protagonistas - ele dominador experiente, acostumado a ser atendido em todas as vontades, e ela mocinha ingênua, sem nenhuma informação a respeito dos gostos do amado, o segundo resgata o conto de fadas da Gata Borralheira para mostrar o ricaço perdidamente apaixonado pela heroína que não dá bola para luxo nem dinheiro.

2# Um diferente Gray

50 tons mais escuros

Divulgação

Menos autoconfiante pelo fato de ter sido deixado por Anastasia (situação que marca o início desse segundo volume), o jovem rico abaixa a guarda e revela sua história: na primeira infância, foi abandonado pela mãe viciada em crack. Ao crescer, o trauma se transformou no prazer de ver o  sofrimento das mulheres que possui.

3# Medo e ex-namoradas

Anastasia Steele corre sério risco de vida quando uma das antigas submissas de Christian resolve se vingar nela, ameaçando a mocinha com uma arma. Obcecada, ela não conseguiu superar o fim do contrato que nunca previu que as partes se apaixonassem. E agora?

4# Mais realidade

50 tons mais escuros

Divulgação

Nesta nova fase, que não é mais a da sedução da conquista, mas sim da manutenção da relação. Um relaxamento é notável já que até os atores revelaram que atuaram bem mais à vontade em seus papéis controversos, longe da pressão do primeiro filme. “O fato do primeiro ter feito muito dinheiro tirou um pouco da pressão e a expectativa neste. Como tudo isso foi embora, ficou mais fácil”, conta Jamie Dornan, revelando que ele e Dakota filmaram em paralelo o terceiro e último filme da série.

Veja aqui dois trailers do longa:

Por Thamirys Teixeira

Comente