Trate seu marido como seu namorado

Trate seu marido como seu namorado

Manter o clima de namoro, ao menos, de vez em quando depende de nós. Foto: © Fabrice Lerouge/Onoky/Corbis

Não deveria ter muita diferença nesses dois homens em nossa vida: marido e namorado. Mas parece que os dois não conseguem existir, não é mesmo? Temos que mudar isso, afinal de contas queremos nos divertir para sempre.

Depois do casamento, você e seu marido se transformaram em companheiros de quarto que ocasionalmente fazem sexo? Que saudade daqueles tempos quentes do namoro quando vocês já subiam pelas paredes só de olharem. Por que será que isso tem que acabar?

Não existe uma vida de casada perfeita, existem momentos perfeitos. E manter o clima sempre legal depende somente de você e do seu amor. O principal é muito simples, você precisa manter os hábitos que tinha durante o namoro, transar em lugares improváveis, pensar em programas legais, surpresas, e talvez coisas que somente você e ele entendem.

E quem não se lembra das loucuras de amor que todos faziam? Noites insones, horas passadas pensando em como seria ver aquele gato logo mais à noite? Por que será que deixamos isso ficar no passado? A resposta é bem fácil: trabalho, rotina, filhos, prazos, casa ...

Gostaríamos de lembrar de que nada disso pode servir de desculpa. Como conseguimos dar conta de tudo no trabalho, temos que dar conta de nosso casamento. É isso mesmo, parece duro, mas não é. Se tem amor e tesão você dará um jeito.

A vida é muito curta para nos contentarmos com sexo ruim, casamento ruim e vida ruim. O grande lance é fazer valer a pena.

Faça esse exercício hoje e pense: você está se divertindo como na época do namoro?

Sabemos que as coisas mudam, tudo bem, isso é ótimo, mas não precisa mudar para pior, pode mudar e continuar sendo bom, prazeroso e com muitas risadas. Escolha algo que adorava fazer com ele na época de namorados e faça de novo, passeie, passe horas boas sem pressa.

E isso vai muito além do sexo quente, embora o sexo seja algo que une muito um casal, e que a comunicação seja essencial na cama, esse namoro eterno vai muito além disso. Cada uma de nós precisa inventar suas fórmulas particulares e criar sua própria poção do amor, sem fada madrinha e nem fantasias distantes.


Por Giseli Miliozi

Comente

Assuntos relacionados: relacionamento sexo namoro marido amor e sexo amor