Tentando consertar!

Demorei muito tempo, mas finalmente tomei coragem...

Meu coração escolhe sempre a dor ao amor. Não que eu tenha tido muitos amores... Pelo contrário, sou uma mulher muito sonhadora, mas fui casada apenas uma vez e agora vivo uma segunda relação, que como o meu casamento, me traz muita insegurança e desconforto prá minha vida.

Como já escrevi anteriormente, esse meu companheiro é um vespeiro, rsrs. O homem é completamente infiel, mentiroso, explorador, agressivo... e "sedutor."

Eu, mesmo reconhecendo tudo isso, não consigo (ainda) me libertar dessa armadilha. Todas as vezes que coloco o meu chapéu, óculos e cachimbo de Sherlok Holmes, descubro uma nova aventura dele. Já perdi as contas das vezes que "Sherlokando" suas coisas e o celular, encontrei provas de sua falta de vergonha e desprezo por mim e por meu sentimento. E aí vêm as mentiras, as desculpas esfarrapadas, o cinismo, o deboche, a negação de tudo e bem mais tarde, as contradições, confirmando todas as minha suspeitas. Com isso a minha vida se torna um verdadeiro inferno. Mas eu ainda ali... Sem coragem para, ou parar de bisbilhotar e encontrar as provas, ou então tomar uma atitude de coragem e respeito por mim e pela minha própria vida, e jogá-lo no olho da rua.

Mas ontem, depois de uma nova descoberta, tomei coragem, não (ainda) para despachá-lo para sempre, mas dei o meu primeiro passo para a minha cura.

Ontem, foi um dia extremamente chuvoso aqui no Rio, mesmo assim às 15hrs , eu passei a mão em mim e fui, toda feliz , à uma reunião do MADA! Fui começar a me curar dessa terrível dependência de sofrimento, fui me libertar dessa necessidade de ter um amor doente prá poder me sentir alguém. Na verdade, gosto dele, e acho que vem daí a minha falta de atitude, mas quero e preciso me colocar no "meu próprio caminho". Nem sei se poderia estar falando aqui, já que como em todo grupo de ajuda,temos como regra o anonimato, mas como aqui no Vila também mantemos de certa forma um pouco de anonimato, me sinto segura para me abrir e dessa forma me posicionar com mais segurança onde quero chegar.

Então... Queria dividir com todas vocês, essa minha decisão de cuidar de mim e da minha dignidade de mulher!

Beijos

Comente