Sobre os amores tranquilos

Sobre os amores tranquilos

Amores traquilos têm mais chance de durar? O que realmente importa á amar. Foto/reprodução Etsy

Tem muita gente por aí falando mal dos amores tranquilos, como se diz naquele refrão de música da Cássia Eller, "amor com sabor de fruta mordida". Muita gente tem vontade de sair correndo ao ouvir falar de compromisso, namoro, casamento, ficadas ocasionais e qualquer outro relacionamento que configure algum vínculo emocional.

Entendemos que cada pessoa sabe e sente o que é melhor para si, mesmo sem perceber. Se pararmos para observar os outros e dermos uma boa olhada para a nossa própria vida podemos identificar certos padrões. E há quem escolha sempre o mais fugaz e emocionante.

Porém, nem tudo que nos faz felizes permanece. A fase da empolgação passa e o que vem depois é que determina como será o futuro amoroso dos envolvidos.

Por que será que vemos casamentos de com mais de 50 anos de vida, e outros com apenas 5 meses? A resposta não existe. O que há é vontade de ficar junto e conseguir provar esse amor tranquilo e o mais importante - superar as dificuldades e as diferenças que sempre existirão.

Brigar e discutir, ou ter incompatibilidades quer dizer que vocês pensam e se expressam livremente, isso não quer dizer separação. Seria um pouco estranho viver com alguém com quem sempre se concorda, não é mesmo?

Poetas e pesquisadores já discorreram muito sobre esse dilema. Mas, na vida prática, vemos casais que vivem para brigar, alguns gostam e outros não. Vemos histórias de tirar o fôlego e que desafiam a lógica como a do casal que viveu junto por 70 anos e que morreram com 15 horas de diferença.

Há casais que conseguem viver em países diferentes por um tempo, até poderem ficar juntos. Há quem não se desgrude. Tudo isso faz parte dos mistérios do amor, que pode nascer do nada e se tornar algo eterno, ou se tornar apenas uma boa lembrança.

Certo mesmo é que qualquer maneira de amor vale a pena.

leia também


Por Giseli Miliozi

Comente

Assuntos relacionados: relacionamento amor amor e sexo