Resolvendo os Conflitos. Ou não...

Todas as relações amorosas possuem conflitos, sejam eles grandes ou pequenos. No início, tudo é deixado pra lá. Passado um tempo, as 'picuinhas', que antes eram sem importância e irrelevantes, começam a incomodar. E para que o relacionamento continue, é preciso resolvê-las.

No entanto, como devemos proceder em momentos de conflitos? Abaixo seguem alguns 'mandamentos' que podem até ajudar... Ou não!

* A Confiança: Confiar deverá ser um ato recíproco e equivalente. Depositarás confiança na quantidade em que receber. Nem a mais, nem a menos. E assim, talvez as coisas funcionem como deveriam funcionar...ou talvez não...

* O Diálogo: A conversa será a primeira alternativa. Sempre.

* Objetividade:Tudo deverá ser resolvido às claras. Todas as perguntas serão objetivamente direcionadas, mesmo que as respostas causem feridas e dor.

* Sinceridade: Nada pode ser guardado para depois. Ficar remoendo dúvidas não faz bem ao estômago, ao coração e ao bom convívio.

* Perdão e Amor Próprio: Tentarás entender e perdoar os atos falhos como ações vindas de um ser humano passível de erros. Mas, nunca, nunca deve aceitar ser subestimado, ignorado e passado para trás.

* Compreensão: Será compreensivo somente, e até quando essa compreensão não ferir seu bem-estar.

...E quem sabe assim, os conflitos serão resolvidos.

Ou Não... (rs)

Beth Amorim

Visitem meu Blog: Tempestade de Ideias - http://bethiamorim.blogspot.com/

Comente

Assuntos relacionados: relacionamento amor conflito