PRIMEIRO CONTATO VIRTUAL: FRUSTRANTE!

Depois de me cadastrar em um site de relacionamentos, tomando o cuidado de preencher meu perfil o mais honestamente possível (afinal, se o intuito era ter uma forcinha extra para minha auto-estima, teria que ser admirada pelo o que eu era com minhas inúmeras virtudes e mais inúmeros ainda, defeitos) fiquei esperando...

Houve vários contatos e fiquei pasma ao constatar que a maioria era de homens bem mais novos, tipo 25 a 37 anos. Mas esses, nem me dei ao trabalho de responder, pois não é minha praia garotões sarados e bonitões. O que eu procurava, alem do físico, era conteúdo!

Não... não quero dizer com isso que estou rotulando todos os homens mais novos do que eu, de desinteressantes ou burros, mas, venhamos e convenhamos, daria muito trabalho trocar contato com cada um deles para saber certo? Nesse caso, optei por esperar um mais maduro, e eis que ele apareceu:

Extremamente educado, bom papo, agradável e depois de um tempo, passamos a nos falar pelo MSN.

Em principio a conversa toda rolou em ele me perguntar causas, motivos e razões por estar em um site de relacionamento, sendo casada... E depois de muitas explicações ele começou um verdadeiro sermão. Colocou mil e um motivos do porque eu não deveria fazer isso e eu, já com o saco na lua, pois não esperava isso, deixei claro que a escolha era minha e que ele não tinha nada haver com isso, e não resisti em perguntar se ele era pastor de alguma igreja ou algo parecido, o que ele negou.

Em seguida, disse também ser casado (???????) que amava sua esposa , que não era nada sem ela, que ela era linda (aliás , ele teve o desplante de mostrar uma foto dela para que eu conferisse o quanto ela era linda ...) e eu, sem entender o que eu tinha feito de errado....afinal cadê os elogios que deveriam ser para mim??? E se ela era assim tão especial o que ele estava fazendo ali?

Pacientemente fiquei por umas duas horas ali esperando aquele ser desfiar um rosário inteiro sobre todas as qualidades de sua linda esposa e desacreditando que aquilo estivesse acontecendo comigo... E a um dedinho de deletar ele no meu MSN e deixar ele falando sozinho, ele consegui se superar no item esquisitice: Me perguntou se eu gostaria de conhecê-los...ou melhor: Quem sabe um encontro de casais?

Muito idiotamente, demorei em entender o que ele pretendia com esse encontro... Imaginei de A a Z, menos o obvio!

Essa conversa terminou comigo tentando explicar o mais delicadamente possível que não pretendia transar de fato, com ninguém... Menos ainda ver MEU marido transando com a esposa dele... Era só o que me faltava!

Fiquei uma semana inteira sem entrar no site!

Comente